Paralisação de 24 horas em todas as regionais de Saúde acontece hoje

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 21/03/2014 às 00:50:00

O Sindicato dos Trabalhadores da Área da Saúde de Sergipe (Sintasa) irá realizar uma paralisação de 24 horas, nas oito regionais e na Maternidade de Capela, nesta sexta-feira, 21 de março. A ideia é pressionar a Secretaria de Estado da Saúde (SES) e a Fundação Hospitalar de Saúde (FHS) para que se cumpra o acordado que é a redução da carga horária de 12 horas e a incorporação de 25% sobre o salário-base, baseado no que consta o Plano de Emprego e Remuneração (PER).

"Esta ação que estamos programados já havia sido esboçada na paralisação que fizemos em Estância, mas como o Governo do Estado não se manifestou, então iremos tomar uma providência mais rígida, que é a paralisação de todas as regionais", explica o presidente do Sintasa, Augusto Couto, acrescentando que poderá existir um indicativo de greve após a paralisação, inclusive, abrangendo o Hospital de Urgência (Huse) e a Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (MNSL).

Com esta ação, o Sintasa irá paralisar os Hospitais de Estância, Nossa Senhora do Socorro, Itabaiana, Lagarto, Propriá, Neópolis, Nossa Senhora da Glória e Tobias Barreto, além da Maternidade de Capela.