Dilma abre hoje Pavilhão do Brasil na Rio+20 com projetos sobre desenvolvimento sustentável

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
A presidente Dilma Rousseff inaugurou o Pavilhão Brasil na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, na manhã desta quarta-feira.
A presidente Dilma Rousseff inaugurou o Pavilhão Brasil na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, na manhã desta quarta-feira.

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 13/06/2012 às 11:15:00

Luana Lourenço
Agência Brasil

Brasília - A presidenta Dilma Rousseff vai abrir hoje o Pavilhão do Brasil na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20. Será a primeira participação de Dilma na conferência, evento que vai até o dia 22 e deve reunir representantes de mais de 190 países no Rio de Janeiro.
A abertura do Pavilhão do Brasil está marcada para as 11h no Parque dos Atletas, em frente ao Riocentro, principal sede das atividades do megaevento ambiental. Depois, Dilma só deve voltar à conferência no dia 20, quando começa a etapa decisiva da reunião, com a chegada de chefes de Estado, que negociarão um documento com resultados finais.

Desafio - Ontem, durante discurso em Belo Horizonte, Dilma disse que o grande desafio da Rio+20 é encontrar um modelo que combine desenvolvimento sustentável, crescimento econômico e inclusão social. "É possível ter um país que se desenvolva economicamente, que cresça e inclua sua população, que seja um desenvolvimento do ponto de vista social, com justiça, e que, ao mesmo tempo, respeite o meio ambiente. É esse o grande desafio dessa conferência Rio+20".
No Pavilhão do Brasil, o governo deve apresentar inciativas e projetos do Executivo para promoção do desenvolvimento sustentável.