Banco do Nordeste realiza Dia da Agricultura Familiar em Glória

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 02/07/2014 às 00:58:00

Com o objetivo de divulgar as linhas de financiamento do Programa Nacional da Agricultura Familiar - Pronaf, do Plano-Safra 2014/2015 e esclarecer dúvidas sobre diversos programas e renegociação de dívidas que o Banco do Nordeste realizará, na próxima quinta-feira, 03, o Dia da Agricultura Familiar no município de Nossa Senhora da Glória.

O encontro acontecerá às 10h, no Auditório da Associação Atlética Banco do Brasil - AABB, do município de Nossa Senhora da Glória.
Faz parte da programação do evento a realização de palestras que visam à capacitação dos agricultores familiares e prestação de informações sobre outros programas governamentais relacionados à agricultura familiar, além da coleta de assinatura de Termos de Adesão, atualização cadastral, entrega de correspondências e realização de feiras para negociação de animais e produtos.

O evento pretende reunir cerca de 300 produtores rurais e parceiros, dentre eles o Governo do Estado, Emdagro, Secretaria da Agricultura, Secretaria da Inclusão Social, Secretaria da Indústria e Comércio, Fetase, MDA, Incra, presidente do Conselho do Estado, Pronese, Conab, Cohidro, Codevasf, Universidade Federal de Sergipe, Sebrae, CFAC, Ministério da Agricultura, Delegacia da Agricultura e Pesca, Gepru e Assembleia Legislativa.

Segundo o gerente executivo estadual do Pronaf, Volnandy de Aragão Brito, o Dia da Agricultura Familiar é de fundamental importância para aproximar ainda mais o Banco do Nordeste e seus parceiros do produtor rural. "Com a realização desse evento, podemos estabelecer um vínculo mais forte e próximo com nossos parceiros e com os produtores, esclarecendo dúvidas sobre os instrumentos legais disponíveis para renegociação de operações, principalmente pelas leis e resoluções vigentes, e assim tornar o produtor apto a novos empréstimos, além de apresentar outros programas do âmbito da agricultura familiar que beneficiarão esses produtores", afirma.