Jackson diz que não quer ser manipulado por um irmão

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 05/08/2014 às 00:35:00

Diante de um público de mais de 10 mil pessoas, o governador e candidato à reeleição Jackson Barreto (PMDB) afirmou que no sábado que "não quer ser governador para ser manipulado pelo irmão e fazer negociata". O discurso categórico aconteceu no município de Itabaiana, agreste sergipano, durante grande festa de lançamento da campanha de Luciano Bispo (PMDB) a deputado estadual.
O palanque ficou pequeno com a quantidade de lideranças políticas presentes, a exemplo do candidato a vice, Belivaldo Chagas (PSB), do candidato ao senado, Rogério Carvalho (PT), dos pretendentes a deputado federal Fábio Mitidieri (PSD) e Mendonça Prado (DEM), o senador Antônio Carlos Valadares, além de lideranças locais, como Olivier Chagas (PT), Paulo Messias, o ex-vereador Carlinhos da Lotérica, o ex-vereador João Patola, além de representantes dos municípios circunvizinhos, como a ex-prefeita de Ribeirópolis, Uíta Barreto. Foi uma grande mobilização.
Em seu discurso, Jackson voltou a dizer que está do lado do bem. "Essa campanha é a campanha do bem contra o mal, não é apenas dizer que os ricos se juntaram, mas é porque o palanque do lado de lá quer negociar Sergipe e a honra dos sergipanos. Nós temos a compreensão desse momento histórico que estamos vivendo. Sabemos de nossa responsabilidade".
O governador fez questão de elencar o cabedal de obras estruturantes que o governo do Estado vem executando em Itabaiana e que já ultrapassa a cifra dos R$ 282 milhões, a exemplo da reforma do Estádio Presidente Médici, construção de quadra de esportes, ampliação do sistema de abastecimento de água em vários povoados, construção de delegacia regional, pavimentação de diversas ruas, implantação da Base Descentralizada do Samu, construção de duas Clínicas de Saúde da Família, reforma do Hospital Regional Dr. Pedro Garcia Moreno, com UTI e Pronto-Socorro.
"Além disso, também estão em execução a reforma e ampliação do Colégio Murilo Braga, a reforma do Hospital Regional, construção e ampliação do Cemitério do povoado Pé do Veado e pavimentação granítica e drenagem de ruas, além da construção da terceira Clínica de Saúde, a construção de sete Galpões Industriais gerenciados pela Codise com recursos do Proinveste. Temos projeto e preocupação com Itabaiana, pela sua história e competência de seus homens empreendedores, dessa gente que faz de Itabaiana a terra do povo mais trabalhador do Estado de Sergipe. O meu adversário passou três anos como secretário de saúde e qual foi a obra que ele trouxe para Itabaiana? Qual a marca dele aqui? Nenhuma!", observou.
Jackson também lembrou da estrada que ligará Itabaiana a Itaporanga, num investimento de mais de R$ 58 milhões, além da construção de um Ginásio Poliesportivo. "Há também obras que estão por iniciar, a exemplo da implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário e Drenagem do Centro de Itabaiana, construção da Central de Abastecimento (Ceasa) por meio do Programa Sergipe Cidades e reforma e recuperação do Perímetro Irrigado da Ribeira. É com os mais pobres que eu tenho compromisso, são eles que precisam do governo".
O ex-prefeito e candidato a deputado estadual Luciano Bispo agradeceu as obras que Jackson levou ao município e disse que o povo lembrará do seu gesto nas urnas. "Ele faz tudo pensando no povo e Deus ajuda quem pensa nos mais necessitados. Todos nós sabemos do seu histórico de honradez. Do outro lado, todo itabaianense sabe quem são os filhos desvirtuados, todos nós sabemos da mancha na história dos nossos adversários, são os filhos ruins de Itabaiana. E nós não fazemos questão desse tipo de filho. Não temos orgulho de pessoas que querem derrubar Sergipe. Por isso que Jackson precisa vencer para que garanta a honestidade neste Estado".