Treinador Betinho pede muita atenção

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Jogadores do Confiança treinam durante a semana com o foco voltado para a partida de domingo contra o Jacuipense
Jogadores do Confiança treinam durante a semana com o foco voltado para a partida de domingo contra o Jacuipense

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 16/10/2014 às 00:28:00

Nunca, jamais, em tempo algum, um time sergipano esteve tão perto da ascensão à Série C do Campeonato Brasileiro, como está o Confiança. O campeão sergipano está com a vantagem de poder até perder por diferença de um gol, que mesmo assim assegura a classificação para o quadrangular final e consequentemente, carimba o acesso à Série C.

Mas o sonho ainda não se concretizou e por isso mesmo, o treinador Betinho pede muita atenção dos seus jogadores, concentração na partida e diz que a euforia fica por conta da torcida. Ele quer todos os atletas focados na partida de domingo.
 - Não conquistamos nada ainda. Estamos bem perto sim, mas só depois do jogo de domingo, com a classificação assegurada e que podemos nos dar o direito de comemorar, alerta o treinador.     

Para Betinho, a expectativa da torcida é algo que não pode contagiar o trabalho feito até agora. "Nosso trabalho foi árduo até aqui, e se não tivéssemos tido essa dedicação e esforço, não teríamos chegado onde estamos. Tenho certeza que não será um jogo fácil e por isso não podemos sair da linha de concentração e foco, que mantivemos até agora", analisa Betinho.

Todos os jogadores, do time titular aos reservas, todos estão centrados e mantendo o pensamento positivo, mas longe do clima de já ganhou.
"Vamos jogar com o respeito que sempre tivemos pelos nossos adversários, mas sem deixar que esse respeito atrapalhe o foco em nosso objetivo. Jogar sério e com os pensamentos voltados para o grande acesso, que a nossa torcida e nós tanto queremos", afirma o Richardson, atual capitão do time.

Ingressos - Domingo, o estádio Presidente Médici será pequeno para a torcida sergipana. Os ingressos que começaram a serem vendidos nesta terça-feira devem ter a venda encerrada até a sexta, depois de negociada toda a carga colocada à disposição do torcedor. No final do segundo dia de vendas, a bilheteria azulina alcançou a casa dos três mil ingressos vendidos.