Polícia investiga dois sequestros contra taxistas

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 29/10/2014 às 00:03:00

Dois taxistas que não serão identificados foram vítimas de sequestro-relâmpago nesta semana em Sergipe, sendo assaltados, ameaçados de morte e obrigados a dirigir para os criminosos. Eles se somam a uma sequencia de crimes cometidos contra a categoria. Segundo dados do Sindicato dos Taxistas de Sergipe, 15 profissionais foram assaltados nos últimos 15 dias. A polícia, no entanto, não confirma tais dados, pois muitos desses crimes sequer são registrados em boletins de ocorrência.

Um dos sequestros aconteceu durante a madrugada de ontem no Loteamento Piabeta, em Nossa Senhora do Socorro (Grande Aracaju). A vítima passava pelo bairro por volta das 4h30, quando um casal deu sinal e, passando-se por passageiro, pediu uma corrida para o centro da cidade. Assim que o taxista arrancou, o casal anúncio o assalto e mandou que ele desviasse a rota. Segundo a polícia, a vítima passou por vários locais até ser libertada no conjunto Marcos Freire II, por volta das 6h. O casal de ladrões fugiu levando dinheiro, objetos pessoais e o carro da vítima. O caso foi registrado pelo taxista na 5ª Delegacia Metropolitana (5ª DM), no conjunto João Alves.

O outro caso aconteceu na tarde de anteontem em Tobias Barreto (Centro-Sul), onde um segundo taxista foi abordado no terminal rodoviário da cidade. Três homens fingiram igualmente pedir uma corrida até um bairro vizinho ao Presídio Regional Manoel Barbosa de Souza (Premabas). No entanto, ao entrar numa rodovia, os bandidos anunciaram o assalto e obrigaram a vítima a dirigir até o povoado Barrocas, em Itapicuru (BA), cidade vizinha a Tobias. Ali, o trio abandonou o taxista e também fugiu com o carro, não sendo encontrados pela polícia. A Delegacia de Tobias apura o crime.