STJD absolve Leandro Damião por simular puxão de camisa em jogo do Santos

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Damião puxa a própria camisa em partida do Santos contra o Criciúma
Damião puxa a própria camisa em partida do Santos contra o Criciúma

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 30/10/2014 às 00:47:00

O STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) absolveu  o centroavante Leandro Damião, jogador do Santos. Ele foi julgado por ter simulado um puxão de camisa e pedido pênalti em partida da equipe alvinegra contra o Criciúma no Campeonato Brasileiro.
Damião havia sido denunciado no artigo 258 do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva), que fala em "assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética esportiva". Se punido, ele podia ter sido suspenso por até seis jogos.

O lance que motivou a denúncia aconteceu no primeiro tempo da derrota do Santos por 3 a 0 para o Criciúma. Em cruzamento da esquerda, Damião puxou a própria camisa pelas costas.
"Foi um lance normal. Só estava tirando a camisa porque estava apertando. Só isso", disse o centroavante depois da partida, ainda no gramado do estádio Heriberto Hülse.
Na ocasião, a arbitragem não anotou nada no lance de Damião. Na entrevista coletiva após o jogo, o técnico do Santos, Enderson Moreira, prometeu rever o lance e conversar com o atacante.