Brasil estreia com goleada no handebol feminino

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Sem pena. As meninas do Brasil atropelaram as chilenas no handebol feminino com uma goleada de 20 a 2
Sem pena. As meninas do Brasil atropelaram as chilenas no handebol feminino com uma goleada de 20 a 2

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 07/12/2014 às 00:43:00

A Seleção Brasileira de handebol feminino começou muito bem sua participação nos XX Jogos Sul-Americanos Escolares. O Brasil deu um banho na Seleção do Chile, vencendo pelo placar de 20 a 02.
Com uma marcação forte e contra-ataques rápidos, o time verde-amarelo foi ampliando a vantagem e mostrando que o objetivo não pode ser outro a não ser a conquista de um lugar no pódio.
No país das atuais campeãs mundiais na seleção principal, a garotada vem comprovando que não faltam talentos para as futuras gerações. Foi o que provou o selecionado brasileiro, na estreia do Sul-Americano Escolar diante da seleção chilena.

As meninas do Brasil aparentavam estar nervosas no início do jogo, e os erros se sucediam a todo instante. Embora na defesa, as atletas conseguiam barrar as investidas da equipe adversária. Mas, bastou a primeira bola entrar, para aos poucos as meninas irem ajustando o jogo em busca da primeira vitória da competição.
Pelo time brasileiro, o grande destaque foi a armadora Amanda Lemos, que marcou seis gols. Outra que também se destacou foi a armadora central, Alice Pizeita.
Ao final, as duas atletas reconheceram que o time brasileiro poderia pelo potencial que tem, ter apresentado um melhor handebol. Pensamento guardado pela equipe após o nervosismo natural da estreia. Mas, que passou a ser encarada como missão por todas do time canarinho.
Para o técnico do Brasil, Emerson E. Eslacher, a grande maioria das meninas sentiu o fato de ser uma estreia, em uma competição internacional e com a responsabilidade de jogar em casa. Contudo, o professor reforça a importância de ter iniciado a trajetória com uma boa vitória para a sequência da competição.

Venezuela x Argentina
O segundo jogo do dia foi mais equilibrado e o placar se alternou durante boa parte da primeira etapa. Mas, aos poucos, o time argentino foi abrindo vantagem e mostrando porque é considerada a segunda potência no continente, e venceu a partida com uma vantagem de 10 gols. Final do jogo, Venezuela 18, Argentina 28.
 Destaques da equipe de "las Hermanas" foram as jogadoras Gonzales Pilar, com 10 gols marcados, e as 'chicas', Bano Carolina e Novo Maria, ambas com seis gols assinalados. Pelo time Venezuelano, Wisleids Medina e Milangela Hospedales marcaram seis gols na partida.

Uruguai x Colômbia
Os primeiros jogos da manhã foram encerrados com o confronto entre Uruguai e Colômbia. O time Uruguaio venceu por 19 a 7 o selecionado colombiano. Destaque para a jovem Carolina Kirschenbaun com 5 gols marcados, para as uruguaias. Pelo time Colombiano, Iris Semana marcou 3 gols.