Campeão da Copa do NE, Sport fechou 2014 como clube mais eficiente do ano

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O América - RN foi o terceiro clube mais eficiente do Nordeste, o 17º do Brasil. 17º colocado na Série B do Brasileirão e campeão potiguar
O América - RN foi o terceiro clube mais eficiente do Nordeste, o 17º do Brasil. 17º colocado na Série B do Brasileirão e campeão potiguar

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 11/01/2015 às 10:24:00

Em um ano ruim para o futebol do Nordeste no cenário nacional, com cinco rebaixamentos, dois acessos e nenhum título, somadas todas as divisões do futebol brasileiro, o Sport fechou 2014 como o clube da região mais eficiente do cenário nacional, segundo os dados da terceira edição do Ranking anual da PLURI Consultoria.
Na avaliação são utilizados como critérios o grau de dificuldade de cada competição, em função do nível e da quantidade de clubes participantes. O líder do ranking é o bi-campeão brasileiro Cruzeiro. Dos 180 clubes, o lanterna é o Botafogo. O nordestino menos eficiente é o Treze-PB, que ficou com a 174ª posição na lista.

1º. - Sport - O Leão terminou o ano como o clube mais eficiente do Nordeste, o quinto do Brasil: 11º colocado no Brasileirão, campeão pernambucano, campeão da Copa do Nordeste, eliminado na segunda fase da Copa do Brasil pelo Paysandu e na segunda fase da Sul-Americana pelo Vitória.

2º - Ceará. O Vozão terminou o ano como o segundo clube mais eficiente do Nordeste, o 10º do Brasil: Oitavo colocado na Série B do Brasileirão, tetracampeão cearense e eliminado nas oitavas de final da Copa do Brasil pelo Botafogo.

3º - América-RN. Fechando o Top 3, o alvirrubro terminou o ano como o terceiro clube mais eficiente do Nordeste, o

17º do Brasil: 17º colocado na Série B do Brasileirão, campeão potiguar, eliminado nas quartas de final da Copa do Brasil pelo Flamengo e eliminado nas semifinais da Copa do Nordeste para o Ceará.

4º - Murici. Quatro clubes ficaram empatados como o quarto clube mais eficiente do Nordeste e 24º do Brasil. O primeiro, Muricizal: Terceiro colocado no campeonato alagoano.

4º - Bahia. O segundo, Bahia: 18º colocado na Série A do Brasileirão, campeão baiano, eliminado na terceira fase da Copa do Brasil pelo Corinthians, eliminado nas oitavas de final da Sul-Americana pelo Universidad César Vallejo

e eliminado ainda na primeira fase da Copa do Nordeste.
4º - Botafogo-PB. O terceiro, Botafogo-PB: 12º colocado geral na Série C, caiu ainda na primeira fase. Bicampeão paraibano, eliminado na segunda fase da Copa do Brasil pelo Santa Cruz e eliminado ainda na fase de grupos da Copa do Nordeste.

4º - Náutico. O quarto, Náutico. 13º colocado na Série B do Brasileirão, eliminado na segunda fase da Copa do Brasil pelo América-RN e eliminado ainda na fase de grupos da Copa do Nordeste.