Brasil estreia no Mundial de Handebol Masculino

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O Brasil se preparou, treinou muito E quer fazer bonito no Mundial de Handebol Masculino no Qatar
O Brasil se preparou, treinou muito E quer fazer bonito no Mundial de Handebol Masculino no Qatar

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 15/01/2015 às 00:48:00

O pensamento na cabeça de cada um dos integrantes da Seleção Masculina de Handebol, que disputa a partir desta quinta-feira (15) o Mundial do Qatar, é um só: fazer história. Para isso, a equipe que quer superar o 13º lugar de 2013 na Espanha, sabe que será preciso uma longa caminhada, com início já em um embate considerado duríssimo, pois a estreia brasileira será nada menos que contra os anfitriões, comandados por um velho conhecido do técnico Jordi Ribera, o também espanhol Valero Rivera. O treinador levou a Espanha ao lugar mais alto do pódio em 2013.

A partida promete ser recheada de emoção. O palco é o gigantesco Lusail Multipurpose Hall, em Doha, com capacidade para 15 mil pessoas. Além de estar sob os olhares atentos do técnico atual campeão mundial, a equipe adversária tem investido tudo para fazer bonito em casa. Esses fatores poderiam até intimidar, mesmo assim, nada assusta o time brasileiro. O confronto está marcado para as 15h30 (horário de Brasília) e terá transmissão dos canais SporTV, SporTV Play e atualização em tempo real do Globoesporte.com.

Foram meses de treinamento intensivo, jogos amistosos, análises, estudos e muita concentração. Jordi Ribera reuniu os melhores em cada posição e conseguiu chegar ao grupo considerado ideal, por ele e pela comissão técnica, para representar o País. "Os atletas que estão no Qatar têm um nível alto e fazem parte da filosofia de jogo que entendemos que a Seleção deve fazer", frisou o treinador espanhol.
O Brasil faz parte do grupo A, que terá ainda outros adversários de peso. Nos próximos dias, a Seleção terá que passar não só pelo Qatar, mas também pela Espanha, Eslovênia, Bielorrússia e Chile. Tarefas que merecem toda a concentração possível.

Para o capitão da equipe, Fernando Pacheco, o Zeba, o primeiro jogo será um ponto crucial. "Sabemos que estreia é sempre complicada. Temos que nos concentrar muito", afirmou.
O armador Gustavo Nakamura, o Japa, diz que o Qatar é uma equipe que merece cuidados. "Eles estarão em casa e contam com muitos atletas experientes naturalizados", lembrou.
O Mundial conta com a participação de 24 países. O grupo B é composto por Croácia, Bósnia e Herzegovina, Macedônia, Áustria, Irã e Tunísia. Na chave C estão França, Suécia, Argélia, República Tcheca, Islândia e Egito. No grupo D estão Dinamarca, Polônia, Rússia, Argentina, Arábia Saudita e Alemanha.

Confira os jogos do Brasil
*Horário de Brasília
Quinta-feira (15)
15h30 - Qatar x Brasil
Sábado (17)
12h - Brasil x Espanha
Segunda-feira (19)
12h - Bielorrússia x Brasil
Quarta-feira (21)
12h - Eslovênia x Brasil
Sexta-feira (23)
12h - Brasil x Chile