Setesp quer transparência na gratuidade

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 10/02/2015 às 15:01:00

Os ingressos de não pagantes nos dois jogos realizados até agora na Arena Batistão despertaram a atenção do público e da imprensa especializada, pelo excessivo número de ingressos gratuitos. Foram mais de 1.500 na partida de inauguração e quase 2 mil no clássico entre Sergipe e Confiança.

No decorrer das avaliações foram colocadas situações envolvendo alguns órgãos governamentais, como Polícia Militar, Policia Civil, Setesp e Banese, colocando esses órgãos como responsáveis pela excessiva gratuidade. O vice-presidente da FSF, Milton Dantas, concedeu várias entrevistas no domingo, antes, durante e depois do jogo, mostrando como processo se desenrola e se existem muitos ingressos gratuitos, não é da responsabilidade de nenhum dos órgãos citados.
- Alguns desses ingressos são cedidos por força de cláusulas contratuais, casos específicos do Banese e a Secretaria de Turismo e Esporte, que recebem um montante de 50 ingressos cada uma. Tem o acesso da imprensa, da federação, dos árbitros e outras entidades, mas com certeza, esses ingressos não passam de 400 na sua totalidade. Quero ver onde estão os 2 mil divulgados pelos dirigentes do Sergipe.

Sobre o assunto e procurando eximir a entidade, de qualquer responsabilidade pela gratuidade na Arena Batistão, a Setesp divulgou nesta segunda-feira uma "Nota de Esclarecimento", repudiando as insinuações, de que a Setesp seria uma das entidades responsáveis pela gratuidade na Arena Batistão.

Na nota assinada pelo secretário Adilson Junior e pelo Diretor de Esportes, Gilson Dória, consta explicitamente, "que não é competência desta secretaria, a confecção, controle e distribuição dos ingressos, (...). Essas ações são de inteira responsabilidade da Federação Sergipana de Futebol (FSF), em parceria com os clubes, a quem cabe exercer o devido controle, especialmente o mandante do jogo".

Mais adiante a nota diz que a secretaria, "através de contrato firmado com a Federação Sergipana de Futebol, cede as dependências da Arena Batistão, para a realização dos jogos de futebol, ficando aquela entidade responsável pelo gerenciamento de toda a parte logística, inerente a cada evento esportivo".
E finalizando, a nota anuncia uma reunião que será realizada na tarde desta terça-feira 10, na sede da Setesp, com a participação dos presidentes das equipes do Sergipe, Confiança e o presidente da FSF, Carivaldo Souza Na oportunidade serão definidos os protocolos de acesso e utilização e a logística operacional, implantada na Arena Batistão.