A ONDA DE CRIMES E O SOLTA SOLTA DE PRESOS

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 01/03/2015 às 00:11:00

A polícia prende, a justiça solta, a polícia prende a justiça solta. Os juízes cumprem a lei, a malsinada legislação brasileira que garante a todos os bandidos, a ladrões com ou sem gravata, a assassinos e estupradores, a sequestradores e pedófilos o direito líquido e certo de não passarem mais de 5 anos numa cadeia, por mais hediondo que seja o crime cometido. Socializou-se finalmente alguma coisa neste país: socializou-se a impunidade.
Semana passada, enquanto as cifras da criminalidade em Aracaju cresciam espantosamente, mesmo com uma presença bem mais visível da polícia nas ruas, o secretário Mendonça Prado, diante das atribulações dos seus primeiros dias no cargo, não se conteve e culpou a complacente legislação penal brasileira por grande parte da insegurança que a polícia luta para conter, enquanto a ausência de punições exemplares estimula os bandidos a cometerem mais crimes.