Flamengo tem problemas contra o Bota

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O goleiro Jefferson pede para Botafogo ter atenção com o atacante Marcelo Cirino...
O goleiro Jefferson pede para Botafogo ter atenção com o atacante Marcelo Cirino...

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 01/03/2015 às 00:30:00

Rio de Janeiro, RJ - O técnico Vanderlei Luxemburgo deve ter dois desfalques para o clássico deste domingo, com o Botafogo, no Maracanã, pelo Campeonato Carioca. O meia Everton não se recuperou de lesão na coxa e foi vetado pelos médicos, enquanto o volante Cáceres tem poucas chances de atuar.
Cáceres sofreu um pequeno trauma no pescoço na vitória por 2 a 1 sobre o Brasil de Pelotas, na última quarta-feira, pela Copa do Brasil. O jogador tem sido preservado dos treinos e passa por exames. Ele será reavaliado no sábado, mas a tendência é que não jogue.
Já o meia Everton, que já havia ficado de fora da partida realizada no sul do Brasil, não se recuperou do edema muscular na coxa esquerda e não será relacionado. Ele deverá ficar de fora inclusive da partida de despedida do lateral Leonardo Moura, na próxima quarta-feira, contra o Nacional (URU).

Perigos - No Botafogo, Capitão do time, o goleiro o goleiro destacou a importância de vencer a partida para aumentar a confiança no elenco, mas alertou para os perigos do adversário.
Líder invicto do Campeonato Carioca, o Botafogo terá neste domingo seu jogo mais difícil na competição. O time fará o clássico com o Flamengo, no Maracanã, em partida que vale o topo da tabela. Capitão do time, o goleiro Jefferson destacou a importância de vencer a partida para aumentar a confiança no elenco, mas alertou para os perigos do atacante Marcelo Cirino.
"Uma hora ou outra ia chegar este jogo. É claro que vai ser um teste no sentido do que a gente vem fazendo. Se a gente vence o Flamengo, muita gente vai dizer que o Botafogo está pronto para ser campeão, mas se perder vão falar que não estamos prontos", considerou o goleiro.

Jefferson também demonstrou expectativa pelo confronto. "O clima, a atmosfera do jogo é muito legal. Você entra no estádio e vê muitos torcedores. Isso envolve muita coisa. Eu costumo dizer que, contra o Flamengo, o treinador não precisa dar a palestra, você já entra motivado, pilhado."
O goleiro ainda pediu atenção especial ao atacante Marcelo Cirino. "Sem dúvida nenhuma é um jogador que está numa grande fase. Temos que tomar cuidado com ele, que vai estar mais confiante, mais solto. Temos que ter atenção redobrada", destacou.