BID garante R$ 2,5 milhões para construção de aterros sanitários

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 04/03/2015 às 02:38:00

O secretário de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Olivier Chagas, recebeu ontem em seu gabinete o representante do Prodetur em Sergipe, Anderson Renê, que trouxe uma excelente notícia para o Governo de Sergipe: um recurso na ordem de R$ 2,5 milhões para a elaboração de projetos de aterro sanitários."Para tanto, precisamos dos projetos prontos para encaminharmos ao BID. Assim, com 10 dias, sendo estes projetos aprovados, estarão prontos para a licitação", afirmou Renê, enfatizando que o prazo de licitação é de 40 dias.
Assim que recebeu a notícia, o secretário Olivier Chagas pediu a superintendente de Qualidade Ambiental, Desenvolvimento Sustentável e Educação Ambiental, Vera Cardoso, para que encaminhasse os projetos. "Vamos encaminhar todos os projetos de pequeno porte para a coordenação local e assim agilizar o processo em todo o Estado, de acordo com o plano de regionalização e agora efetivado com o plano estadual e os planos intermunicipais", explicou a superintendente.

Para Olivier Chagas, a ação demonstra que o Governo de Sergipe cumpre o que exige o Marco Legal da Política Nacional de Resíduos Sólidos da Lei 12305/2010."É de suma importância para a gestão do meio ambiente em nosso Estado, principalmente no sentido de otimizar a colocação desses resíduos, evitando poluição e problemas futuros. Além disso, há a questão social que é pôr fim aos grandes lixões, evitando que pessoas fiquem nesses locais em condições desfavoráveis", concluiu acrescentando que essas ações têm sido acompanhadas de perto por representantes do Ministério Público, através da Promotoria de Justiça especializada do Meio Ambiente.