Consumo de energia elétrica cresceu em 2014

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Em em 2014 os sergipanos consumiram mais energia elétrica, apresentando uma alta de 3,7% no consumo
Em em 2014 os sergipanos consumiram mais energia elétrica, apresentando uma alta de 3,7% no consumo

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 28/03/2015 às 00:43:00

Com base nos dados da Energisa (que gera e distribui energia para 63 municípios sergipanos, alcançando 96% do território do estado), o Boletim Sergipe Econômico revelou que em 2014 os sergipanos consumiram mais energia elétrica, apresentando uma alta de 3,7% no consumo, em relação a 2013.
Os destaques são para as elevações do consumo de energia elétrica no comércio e nas residências, que apresentaram alta de 5,2% e 5,1% respectivamente, em relação a 2013.

O setor industrial também aumentou seu consumo de energia elétrica em 2014, esse crescimento foi de 3,3%, em comparação com o ano anterior. Entretanto, no campo a tendência foi inversa, houve uma redução de 2,9%, no consumo de energia em 2014.
No mês de fevereiro de 2015 o consumo de energia elétrica atingiu 219,9 Gigawatt-hora (Gwh), representando uma redução de 0,7% em relação ao mesmo mês de 2014. Em relação ao mês anterior, o consumo teve redução de 0,9%.

O consumo industrial foi de 26,4 Gwh, mostrando-se 1,9% menor quando confrontado com fevereiro de 2014. Comparando com o mês anterior (janeiro/2015), o consumo apresentou crescimento de 7,4%.
O total de energia consumido pelas residências e pelo comércio, no estado, atingiu 89,2 Gwh e 43,9 Gwh, respectivamente, registrando crescimento de 1,8% e 0,4%, nesta ordem, quando comparado com o mesmo mês do ano anterior. Analisando a evolução mensal, o consumo das residências recuaram 3,5%, enquanto o consumo comercial cresceu 1,4%.
No campo foram consumidos 11,7 Gwh, com redução de 7,1% e 8,6%, nas bases de comparação anual e mensal, respectivamente. Aa análises foram realizadas pelo Boletim Sergipe Econômico, parceria do Núcleo de Informações Econômicas (NIE) da Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES) e do Departamento de Economia da UFS.