Projeto de clínica de radiologia é apresentado ao Governo do Estado

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Jackson recebeu médicos que investirão R$ 40 milhões em clínica de Radiologia / Fotos: Marcos Rodrigues/ASN
Jackson recebeu médicos que investirão R$ 40 milhões em clínica de Radiologia / Fotos: Marcos Rodrigues/ASN

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 18/04/2015 às 10:36:00

O governador Jackson Barreto recebeu ontem em audiência no Palácio de Veraneio um grupo de médicos oncologistas de Sergipe responsável pelo projeto da Clinardi - Radioterapia e Imagem, já em construção na capital sergipana. Além de fazer uma apresentação do projeto e convidar o gestor para conhecer a obra, eles também pleiteiam, junto ao governo, a inclusão da clínica no rol de empresas que recebem incentivo tributário estadual.

O coordenador do grupo é o médico William Soares, que juntamente com o também médico Nivaldo Vieira, explicaram os detalhes do projeto que terá um investimento total de R$ 40 milhões e conta com financiamento do Banco do Nordeste. Em contrapartida ao incentivo fiscal, a Clínica teria um contrato de garantia de vagas para pacientes do Sistema Único de Saúde (Sus) e do IpesSaúde. O superintendente da instituição bancária, Saumíneo Nascimento, acompanhou o grupo na reunião. "O governo está diante de um investimento econômico, social e para a saúde", pontuou Nascimento.

Acompanhado do diretor da Fundação Hospitalar, Hans Lobo, o governador revelou já ter conhecimento da construção da clínica que irá ofertar os serviços que atualmente o Estado contrata fora de Sergipe. Demonstrou boa vontade e desejo de contribuir. "A ideia entusiasma a todos nós porque sabemos da dificuldade para o paciente com câncer ter que viajar para realizar seu tratamento. Temos esta preocupação porque o volume de pessoas é grande e tem havido um esforço da Secretaria da Saúde e da Fundação Hospitalar para a gente diminuir esta espera", destacou o governador.

Sobre a proposta apresentada, Jackson designou a criação de uma comissão com representantes das secretarias de Saúde, da Secretaria de Estado da Fazenda, da Sedetec e do grupo de médicos para que se discuta e avalie a previsão legal quanto aos incentivos fiscais estaduais. "A Clinardi terá uma área de 2.935,5 metros quadrados e fará a mesma radioterapia que é feita nos grandes centros do mundo. A intenção é inaugurá-la no final do ano, queremos dar um presente ao povo sergipano e ao entorno e diminuir a fila que hoje existe", acrescentou o médico William Soares.