Muro do Sabino Ribeiro amanhece pichado

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 18/04/2015 às 11:04:00

Revoltados com a eliminação do Confiança nas competições nacionais e regionais, alguns torcedores do Confiança resolveram protestar pichando o muro do estádio Sabino Ribeiro com palavras de ordem e reivindicações, exigindo a contratação de bons valores e a dispensa de jogadores que eles consideram que não representam mais nada para o Confiança.

Frases com "Luis Roberto: fora diretoria", "Queremos respeito", "time sem vergonha", "Queremos zaga". Jogadores como Bibi, Heverton, Wallace Sergipano, Valdo e Everton, foram alvo da ira dos proletários.
Em respostas às pichações, a diretoria proletária fez circular uma nota de repúdio:  
 "A Diretoria da Associação Desportiva Confiança, vem a público lamentar e também repudiar a atitude de pessoas, que não tem compromisso com o clube e que, de forma irresponsável, picharam as paredes externas do Estádio Sabino Ribeiro, nossa casa, com palavras inadequadas e sem razão nenhuma para tal atitude.