Presidente do Estanciano acredita no título

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O ESTANCIANO ESTÁ CONFIANTE E PENSA EM SURPREENDER
O ESTANCIANO ESTÁ CONFIANTE E PENSA EM SURPREENDER

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 01/05/2015 às 00:51:00

Este ano a equipe do Estanciano conquis-tou o que tentava há três temporadas. O time de Estancia será o representante sergipano no Brasileiro da Série D deste ano, com vaga garantida na Copa do Nordeste e Copa do Brasil do próximo ano.
Isso significa dizer que, além de calendário no primeiro semestre de 2016, a equipe de Estancia embolsará só de cota de patrocínio um valor superior a R$ 500 mil e por conta disso, dá para investir e fazer uma boa equipe, já pra o Brasileiro da Serie D, para brigar pelo acesso.
Mas o presidente Sidney Araújo não se conforma com pouco. Ele disse que o time quer muito mais. Quer o titulo de campeão estadual. "Ninguém se surpreenda. O Estanciano será uma equipe totalmente diferente nessas duas partidas finais. Será uma outra competição e o time está sendo preparado para ser campeão estadual", disse o presidente.

Para isso ele teve que resolver alguns problemas e quebrar certas arestas. O primeiro problema foi com o volante Hamilton. O atleta recebeu o que tinha direito retornou aos treinos e está à disposição do treinador Índio para a partida deste sábado contra o Confiança.
Para o jogo contra o Dragão, o treinador Índio não contará com o volante Oliveira. Mas ele tem como substitutos Marcelo, que é um volante nato e o próprio Hamilton, um jogador mais técnico.
Na tarde desta sexta-feira, o treinador Índio comanda coletivo apronto, quando pretende definir e confirmar o time e o esquema de jogo.

Sobre a presença de Hamilton na equipe, o treinador disse que ficou surpreso, quando foi informado da volta do meio campista ao grupo.  "Não contava com o retorno de Hamilton. Ele está treinando com o grupo, mas a volta ao time vai depender do que ele apresente nos treinos desta semana. Para mim foi uma surpresa. Jogador que, sinceramente, eu não contava mais com ele. Até porque nem parecer da diretoria tinha e fiquei surpreso com seu retorno. Agora é um jogador que todos conhecem suas qualidades. Volta a treinar e vou poder observá-lo".