Casemiro e ausência de Oscar, surpresas

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O técnico Dunga convocou 23 jogadores, que representarão  o Brasil na disputa da Copa América 2015
O técnico Dunga convocou 23 jogadores, que representarão o Brasil na disputa da Copa América 2015

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 06/05/2015 às 01:34:00

Ao lado do novo presidente da CBF, Marco Polo Del Nero e do coordenador técnico Gilmar Rinaldi, o técnico Dunga convocou os 23 jogadores, que disputarão a Copa América pela Seleção Brasileira. A lista não teve grandes novidades. As principais surpresas foram a presença do volante Casemiro, do Porto-POR e a ausência do meia Oscar, do Chelsea, que vinha sendo chamado desde os tempos de Mano Menezes.
A relação não chegou a ter nenhum novato sob o comando de Dunga, mas a presença de Casemiro causou certa surpresa, pois o jogador não vinha sendo constantemente convocado pelo técnico. O treinador também resolveu apostar no meia Everton Ribeiro, ex-Cruzeiro, que havia ficado de fora da convocação anterior, após se transferir para o Al-Ahli, dos Emirados Árabes Unidos. Ele acabou ficando com a vaga de Oscar, campeão inglês pelo Chelsea e que, segundo Dunga, está lesionado.

A relação divulgada por Dunga conta com oito jogadores que fizeram parte do grupo do Brasil na última Copa. São eles: Jefferson, Marcelo, David Luiz, Thiago Silva, Luiz Gustavo, Fernandinho, Willian e Neymar. Mas o treinador também apostou em nomes recentemente lançados, como os atacantes Roberto Firmino, do Hoffenheim e Diego Tardelli, do Shandong Luneng, e que brilharam pelo Brasil sob o seu comando.
Agora, Dunga terá o desafio de comandar a seleção em um torneio oficial, a Copa América no Chile, que também servirá como prévia para as Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo de 2018. O Brasil vai estrear no torneio em 14 de junho, diante do Peru, em Temuco. E os outros adversários no Grupo C da competição serão a Colômbia, no dia 17, e a Venezuela, no dia 21, com ambos os confrontos marcados para Santiago.

Antes da Copa América, a seleção fará dois amistosos de preparação para o torneio, ambos agendados para o Brasil. Eles serão em 7 de junho, diante do México, no Allianz Parque, em São Paulo, e no dia 10, diante de Honduras, no Beira-Rio, em Porto Alegre.
A apresentação da seleção para a Copa América está prevista para 1º de junho, na Granja Comary, em Teresópolis (RJ). Porém, caso algum jogador esteja envolvido na decisão da Liga dos Campeões da Europa, caso de Neymar, do Barcelona, e Marcelo, do Real Madrid, marcada para 6 de junho, a apresentação se dará apenas após a disputa da final do torneio continental.

Como os torneios nacionais não serão paralisados durante a disputa da Copa América, os jogadores que atuam no País vão desfalcar os seus times no período do torneio. Os atletas de clubes que participam do Brasileirão, casos do gremista Marcelo Grohe, do santista Robinho e do corintiano Elias, poderão ficar de fora de até sete rodadas. Já Jefferson pode desfalcar o Botafogo em até seis jogos da Série B.
Além disso, também, nesta terça, a CBF anunciou que o ex-jogador Clodoaldo, com passagem destacada pelo Santos e que conquistou o título da Copa do Mundo de 1970 pela seleção brasileira, será o auxiliar técnico pontual, cargo criado por Dunga para que nomes consagrados do futebol estejam juntos ao grupo.

Confira os jogadores convocados para a Copa América:

Goleiros: Jefferson (Botafogo), Diego Alves (Valencia) e Marcelo Grohe (Grêmio)

Laterais: Danilo (Porto-POR), Fabinho (Mônaco-FRA), Marcelo (Real Madrid-ESP) e Felipe Luís (Chelsea-ING)
Zagueiros: David Luiz (PSG-FRA), Marquinhos (PSG-FRA), Thiago Silva (PSG-FRA) e Miranda (Atlético de Madrid-ESP)

Volantes: Luís Gustavo (Wolfsburg-ALE), Fernandinho (Manchester City-ING), Elias (Corinthians) e Casemiro (Porto-POR)

Meias: Everton Ribeiro (Al-Ahly-Emirados Árabes), Douglas Costa (Shakhtar Donetski-UCR), Willian (Chelsea-ING) ePhillipe Coutinho (Liverpool-ING)

Atacantes: Neymar (Barcelona-ESP), Diego Tardelli (Shandong Luneng-CHN), Robinho (Santos) e Roberto Firmino (Hoffenheim-ALE)