Contas de seis câmaras municipais são julgadas irregulares pelo TCE

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O conselheiro Carlos Alberto vota durante sessão do TCE
O conselheiro Carlos Alberto vota durante sessão do TCE

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 26/06/2015 às 00:04:00

As contas das câmaras municipais de Divina Pastora, de 2010; Itabaianinha, de 2008; São Francisco, de 2010; Monte Alegre, de 2011; Indiaroba, de 2011; e Arauá, de 2013, são julgadas irregulares na sessão do Pleno do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe (TCE/SE) desta quinta-feira (25). Foram julgados 22 processos e três protocolos, sob a presidência do conselheiro Carlos Pinna de Assis, também participaram os conselheiros Carlos Alberto Sobral, Clóvis Barbosa, Luiz Augusto Ribeiro, Ulices Andrade e Angélica Guimarães e o procurador geral José Sérgio Monte Alegre.

O conselheiro, Carlos Alberto, votou pela irregularidade das Contas Anuais da Câmara de Divina Pastora, referentes ao exercício 2010, de interesse de Carlos Henrique Santos, aplicando glosa e multa de R$ 2 mil; e das Contas Anuais da Câmara de Itabaianinha, referentes ao exercício 2008, de interesse de João Araújo Nascimento Filho, aplicando glosa de R$ 92 mil, multa de 10% sobre esse valor é multa de R$ 5 mil. Por sua vez, o conselheiro Clóvis Barbosa decidiu pela irregularidade, com glosa de R$ 23 mil, multa de 10% sobre esse valor é multa de R$ 1.264,00, das Contas Anuais da Câmara de São Francisco, referentes ao exercício 2010, de interesse de João Inácio Cardoso.

Luiz Augusto votou pela irregularidade, com glosa de R$ 27.700,00 e multa de R$ 2 mil, das Contas Anuais da Câmara de Monte Alegre, referentes ao exercício 2011, de interesse de Nivaldo Barbosa. Ulices Andrade votou pela irregularidade das Contas Anuais da Câmara de Indiaroba, referentes ao exercício 2011, de interesse de Valmir Ferreira Lima; e Angélica Guimarães votou pela irregularidade, com multa de R$ 2 mil, das Contas Anuais da Câmara de Arauá, referentes ao exercício 2013, de interesse de Gilvaneide Oliveira Nascimento.