Prefeitura de Aracaju investe no esporte e anuncia Centro de Ginástica Artística

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O Campeonato Mundial de Vôlei de Praia, realizado pela Prefeitura este ano, foi um marco no esporte em Aracaju
O Campeonato Mundial de Vôlei de Praia, realizado pela Prefeitura este ano, foi um marco no esporte em Aracaju



Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 02/08/2015 às 00:48:00

Promover a universa-lização da prática es-portiva, a cidadania e aumentar o acesso de novos talentos do esporte sergipano para as grandes competições dentro e fora do estado, essa é uma das principais medidas da Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA). Para a atual gestão, o esporte é fator primordial de incentivo contra as desigualdades econômicas e contribui para evitar, ou retirar muitos jovens de situações de risco social. E para que esta meta seja alcançada, a prefeitura não mede esforços.
O Bolsa Atleta, promovido pela Secretaria Municipal da Juventude e Esporte (Sejesp), tem alcançado boas projeções, revelado novos talentos do esporte e garantido vários pódios para os nossos atletas em competições pelo país e campeonatos mundiais nas mais diversas modalidades, graças aos incentivos no esporte da atual gestão.
Para garantir ainda mais títulos e revelar novos talentos, a PMA acaba de anunciar a construção do Centro Regional de Ginástica Artística, modalidade que tem como grandes representantes os irmãos Diego e Daniele Hipólito, Arthur Zanetti e Jade Barbosa, que elevam a bandeira brasileira nas competições olímpicas e eventos mundiais deste esporte. Além desta obra, o Centro de Excelência Jovem Promessa, dará suporte a iniciação esportiva a centenas de crianças da nossa capital.                    

Reconhecimento - Para a presidente da Confederação de Ginástica, Luciene Rezende, a criação deste centro é de grande importância para a inclusão social e descoberta de futuros ginastas. "A cidade de Aracaju foi contemplada com o Centro Regional de Ginástica Artística e de Jovem Promessa, evidentemente com o apoio da Prefeitura, através da sensibilidade que tem o nosso prefeito João Alves Filho em promover esse espaço. Isso é de muita relevância, principalmente para dar oportunidade às crianças, os jovens e ao alto rendimento. Vamos fazer desse Centro uma referência para o nosso país e Aracaju com equipamentos de nova geração que revelará novos talentos", diz a presidente. As obras do Centro é uma parceria entre a PMA e a CGB, que tem sua base em Aracaju. A parte estrutural ficará a cargo da prefeitura, que aproveita a área do antigo mercado do bairro Atalaia para a construção do espaço. Os equipamentos utilizados pelos novos atletas ficarão a cargo da Confederação, que visa com esta ação proporcionar atividades e práticas esportivas voltadas ao esporte olímpico.

Infraestrutura - Além desses Centros, a prefeitura também promove a prática de atividades lúdicas, esportivas e culturais em vários bairros de Aracaju. Por meio da Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb), praças poliesportivas começam a mudar o cenário da capital. O bairro 17 de Março, localizado na Zona de Expansão de Aracaju, é um dos contemplados a receber a Praça de Esportes e Cultura, que segue em ritmo acelerado.
O espaço contará com pista de skate, arquibancada e quadra de areia. O projeto prevê uma área de aproximadamente nove mil metros quadrados, onde também será construído um ginásio com quadra coberta e arquibancadas, equipamentos de ginástica, bicicletário, espaço criança e um cine teatro.
O bairro Olaria, Zona Oeste da capital, o lazer e o esporte também farão parte da comunidade, sobretudo para aparar as diferenças e barreiras sociais. As obras da Praça dos Esportes e da Cultura daquela localidade já está em fase de finalização. Orçada em mais de R$ 1,6 milhão, a obra conta com incentivos da PMA e do Governo Federal, e pretende abranger os cerca de 20 mil habitantes dos loteamentos Veneza, São Carlos, Maria do Carmo II e Nova Liberdade I.