Londrina adia sonho do Dragão rumo à Série B

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
O zagueiro Luizão aproveitou a defesa parcial de Rafael Sandes e de marcou de cabeça. O zagueiro entrou com bola e tudo
O zagueiro Luizão aproveitou a defesa parcial de Rafael Sandes e de marcou de cabeça. O zagueiro entrou com bola e tudo

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 20/10/2015 às 01:21:00

O Sonho dos sergipanos ter uma equipe na Série B do Campeonato Brasileiro foi adiado. Pelo menos até a próxima temporada, quando o Confiança volta a disputar a Série C. A derrota de 1x0 para o Londrina, na tarde do domingo 18, no estádio do Café eliminou o Confiança e classificou o time paranaense, que está nas semifinais da Série B e com vaga assegurada na Série B da próxima temporada.      
O jogo de ida entre os adversário terminou empatado sem gols. É o segundo acesso consecutivo do Tubarão, haja vista que em 2014 subiu da Série D para a C. Para conquistar o objetivo, o LEC disputou 20 jogos com 10 vitórias, oito empates e duas derrotas. O ataque marcou 24 gols e a defesa sofreu 14 tentos. Bruno Batata, com cinco gols, é o artilheiro do Tubarão.
O Confiança até que começou bem a partida. Ney Maruim pela direita levava perigo nos cruzamentos. Mas aos 13 minutos, depois da cobrança de um escanteio, o Londrina fez 1x0 através do zagueiro Luizão. A bola foi desviada pelo por João Paulo. O goleiro sergipano fez uma grande defesa, mas no rebote, o zagueiro Luizão apareceu de surpresa e só deu um toque de cabeça e entrou com bola e tudo.
No restante da primeira etapa, o time visitante não ameaçou a meta, tanto que o arqueiro Vitor não fez nenhuma defesa difícil. O Londrina poderia ter feito o segundo com Bruno Batata, que resolveu arriscar de fora da área e a bola passou rente ao travessão. Por aquilo que apresentou em campo e contando com apoio da sua torcida, que compareceu em peso (quase 30 mil torcedores), a vitória parcial do Tubarão poderia ser considerada justa.

A conquista - No segundo tempo, o time da casa por pouco não fez o segundo aos 11 minutos com Edmar. Sete minutos depois, o Tubarão reclamou de uma possível penalidade a seu favor. Bruno Batata foi tocado pelo zagueiro Valdo, mas o árbitro deu sequência na jogada e nada marcou.
O volante Germano, que já tinha cartão amarelo, fez falta violenta e recebeu o vermelho aos 20 minutos. Daí em diante o Londrina atuou fechado, esperando o tempo passar. O Confiança fez pressão e quase empatou. No contra-ataque, Diego Ceará saiu na cara do gol e chutou em cima do goleiro Vitor, desperdiçando ótima chance para empatar. Com a conquista do acesso, o LEC encara agora a semifinal contra o vencedor de Tupi-MG e ASA-AL.