PROXIMIDADE TÁTICA OU ESTRATÉGICA

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 05/08/2012 às 13:24:00

 A tática faz parte da estratégia. Os grandes autores sobre o tema envolvendo a guerra definem,  como táticas, aquelas ações pontuais, efetivas ou diversionistas levadas a efeito num campo de batalha, todas em função de um objetivo maior ou estratégico. As ações  táticas seriam assim,  grosseiramente, as pequenas batalhas, as ações estratégicas,  as maiores, envolvendo, além do choque direto, muitos outros elementos.

No interior de Sergipe e na capital, Aracaju,  travam-se hoje ações táticas  em função da grande batalha final que será a sucessão em 2014. Por isso, são vistos num mesmo palanque tantos adversários hoje, e que poderão continuar  sendo ou não em 2014. Por isso, o palanque de Fábio Henrique em Socorro estava repleto de políticos adversários, e que ali se juntavam. 

Em Campo do Brito, semana passada,  estavam o líder da oposição na Assembleia Venâncio Fonseca e o vice - governador Jackson Barreto, e ouviam, sem demonstrar desagrado, um  orador, por exemplo, que fazia rasgados elogios à senadora Maria do   Carmo,  enquanto um outro,  que, sem entender o momento, sentou a ripa em João Alves, esquecendo-se das características especiais, e táticas, da eleição no município.