Alunos da UFS cobram pagamento da bolsa de estudos

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 19/02/2016 às 22:31:00

Acadêmicos que recebem bolsas para estudar na Universidade Federal de Sergipe (UFS) ameaçam permanecer protestado por tempo indeterminado contra o atraso no repasse do benefício. Segundo destacado pelos estudantes, desde o ano passado a instituição federal em Sergipe tem gerado problemas financeiros para o grupo diante do não pagamento dentro dos meses vigentes. Desta vez, eles alegam que a bolsa estudantil referente ao mês de janeiro permanece inviável para mais de 50% do público alvo. Na tentativa de pressionar a UFS, manifestantes ocuparam as dependências da reitoria onde se mostraram irritados com a recorrência dos fatos.
A assessoria de comunicação da Universidade Federal de Sergipe destacou que o problema ocorreu devido a um atraso no repasse da verba feita pelo Governo Federal, por meio do Ministério da Educação (MEC). A nota oficial alega ainda que este dinheiro em questão somente ficou disponível no fim da tarde da última segunda-feira, 15, e para que ele seja repassado aos acadêmicos existe um processo burocrático. Segundo cálculos da Ascom, metade das bolsas já foi paga, e até a próxima segunda-feira, 22, o atraso será regularizado junto a todos os estudantes. Sobre a manifestação realizada, os gestores julgam a ação como uma forma natural e democrático permitida pela Constituição Federal.