Itabaiana terá quase o mesmo elenco

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Leandro não fica. Mas a diretoria do Ita baiana garante manutenção de 90% do elenco vitorioso de 2016
Leandro não fica. Mas a diretoria do Ita baiana garante manutenção de 90% do elenco vitorioso de 2016

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 02/10/2016 às 00:36:00

Givaldo Batista
givaldobs@yahoo.com.br

O Itabaiana terá um calendário cheio em 2017. Começa com o Campeonato Sergipano, no final de janeiro ou início de fevereiro, segue com a Copa do Nordeste em fevereiro, Copa do Brasil e encerra com o Brasileiro da Série C, competição cujo objetivo principal é o acesso à Série C.

Este ano o Itabaiana esteve perto, chegou às quartas de final e ficou entre as oito melhores equipes da competição. Mais um passo e hoje o futebol sergipano poderia ter mais uma equipe na Série C. os serranos não esperavam que o São Bento-SP encerrasse o sonho da torcida do Tricolor da Seria.
- Nem tudo está acabado. Temos presença assegurada em 2017 e com certeza estaremos lutando por esse acesso. Lutamos bastante, chegamos perto, próximo ano termos mais experiência, ajustaremos a equipe e evitaremos alguns erros cometidos este ano e com certeza vamos brigar mais ainda pelo acesso, afirmava o presidente Amilton Gomes, momentos após a eliminação, na cidade de Sorocaba.

- Em 2017 a exigência será maior.Teremos além do Campeonato Sergipano e Brasileiro da Série D, a Copa do Nordeste e a Copa do Brasil. O que será suficiente para, pelo menos crescer as receitas do clube no ano que vem. Isso sem esquecer que pretendemos crescer tecnicamente. Vamos brigar pelo título estadual, fazer uma boa campanha nas Copas do Nordeste e do Brasil e brigar pelo acesso à Série C. mas tudo isso depende de planejamento, muito trabalho, organização, dinheiro e a formação de uma boa equipe, lembra Amilton Gomes, realizado com a temporada de 2016.
Segundo o presidente o primeiro passo será a contratação de um bom técnico. Umtécnico que conheça o futebol sergipano, mas que tenha uma visão global do futebol brasileiro, com nome e um profissional vencedor. O Itabaiana ainda tentou manter Leandro Campo, o técnico deste ano, que fez uma boa campanha e deixou saudades na equipe serrana.

A diretoria já começou a conversar com alguns profissionais, que treinariam times da Série C. "Queremos alguém com um perfil parecido com o Leandro Campos e que seja novidade no Estado. Tentamos segurar o Leandro Campos. Mas ele disseque tinha outros caminhos a seguir.Ele era um profissional cujo salário está acima da realidade do futebol sergipano. Se pudéssemos renovar o contrato, seria a primeira opção, afirmou Amilton Gomes.
Mas segundo o presidente serrano, o objetivo é manter pelo menos 90% do elenco vice-campeão sergipano. O preparador físico Felipe França já confirmou seu retorno e a grande maioria dos atletas também. Manteremos 90% do elenco para o ano que vem, mas também faremos algumas boas contratações.