Filhos festejam a chance de trabalhar ao lado dos pais em Amor Eterno Amor

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto


Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 16/08/2012 às 03:20:00

Amor Eterno Amor conta com três duplas de pais e filhos: Reginaldo e Marcelo Faria; Tony e Lincoln Tornado; e Carlos e Larissa Vereza. Duas dessas duplas tiveram o gostinho especial de estarem na mesma cena (veja abaixo), uma experiência que só eles podem explicar.

Para Marcelo Faria, contracenar com Reginaldo é uma sensação única. "O meu pai é um cara maravilhoso, em quem me inspirei. É um amigo, um conselheiro e que puxa a orelha na hora que tem que puxar. Uma pessoa que eu posso contar a qualquer momento. Foi emocionante estar com ele ali. Eu pedi a Elizabeth Jhin para ter um flashback que a gente se encontrasse. Agora eu espero que um dia a gente faça pai e filho em novela", conta.

Lincoln Tornado também não poupa palavras para falar da relação com Tony, grande inspiração em sua vida. Tanto que ele seguiu os mesmos passos do pai na carreira artística. "Ele é incrível. Um grande exemplo de profissional, homem, pai, amigo... Ele é meu grande amigo. Um confidente. É uma das maiores referências de trabalho para mim. Na música, é uma das minhas grandes fontes de inspiração. E na televisão também",

afirma Lincoln, que tem uma de suas canções na trilha sonora da novela.
Tony e Lincoln Tornado também contracenaram em Amor Eterno Amor (veja ao lado). Elizabeth Jhin deu um presente aos dois ao escrever uma cena em que pai e filho cantam "BR-3", música de grande sucesso da carreira de Tony. "Foi muito legal essa cena. Temos uma sintonia boa e tudo flui muito bem por já nos conhecermos. Ele é especial, um cara maravilhoso", conta Lincoln.

Carlos e Larissa Vereza fecham o trio de pais e filhos, mas até agora os dois ainda não se encontraram em Amor Eterno Amor. Será que as histórias de Francisco e Kátia ainda vão se cruzar?