Danilo Bala retorna ao futebol sergipano

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 29/11/2016 às 00:32:00

Revelado no Dorense atacante está sem clube e aguarda proposta de equipes sergipanas

 

Givaldo Batista

givaldobs@Yahoo.com.br

 

Depois de uma curta temporada na Bulgária, o atacante Danilo Bala, com excelentes atuações pela equipe do Dorense, em 2015 e um dos destaques do Confiança na atual temporada, Danilo Bala recebeu e aceitou o convite para defender o Montana, da Terceira Divisão Bulgária.

A passagem do atacante pelo futebol europeu foi meio traumática. Danilo Bala teve alguns contratempos, relacionados a sua documentação e só foi estrear pelo clube búlgaro na sétima rodada. Mas mesmo assim, com atraso em sua regularização, o atacante revelado pelo Lagarto Futebol Clube, conseguiu logo posição titular no Montana e marcou um tento na temporada deste ano.

Já em Sergipe, Bala aguarda posição do seu empresário, no tocante ao futuro clube. Comenta-se interesses de clubes sergipanos, mas nada foi revelado. "Não posso adiantar nada para não atrapalhar às negociações. Quando for definido direi", disse o veloz meia atacante.

- Foi o meu empresário, o Ricardo Valério quem conseguiu a ida para a Europa. Ele mostrou meu vídeo paro presidente do time da Bulgária, pois são amigos. Este ficou bastante interessado e fez uma proposta muito boa, irrecusável. Isso tudo aconteceu no período que adoeci, antes do jogo contra o ABC.

Danilo Souza Muniz, 22 anos, mais conhecido como Danilo Bala, foi destaque na Série A2 do Campeonato Sergipano de 2015, sendo um dos artilheiros da competição, com sete gols marcados em favor do Dorense. O jogador encantou o técnico proletário, Betinho, que o indicou para atuar no Confiança. Com a camisa azulina, ele marcou cinco gols, um deles na lista dos mais bonitos do Sergipão 2016.

Enquanto não chega uma ´proposta de clube sergipano ou aqui mesmo do Nordeste, Bala continua treinando com o objetivo de manter a forma física e assim que for convocado para defender qualquer equipes estar em boas condições física. “A qualidade técnica não se perde, mas deve cuidar muito da parte física”, concluiu Danilo Bala.