Mais de 1.100 trotes foram passados para o Samu em uma semana

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 30/11/2016 às 00:42:00

Na última semana, de 25 a 28 de novembro, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (Samu 192 Sergipe) recebeu o total de 5.348 ligações. Dessas, 979 foram solicitações de envio de viaturas, 60 corresponderam às orientações médicas e 1.125 foram trotes.

Os trotes telefônicos comprometem bastante os trabalhos do Samu. Segundo a superintendente Lúcia Santos, o índice é muito elevado. “As chamadas falsas prejudicam muito oadequado funcionamento do serviço. Este tipo de prática causa inúmeros transtornos no deslocamento das viaturas, desgastes físicos e até financeiros. O trote interfere no atendimento a quem realmente precisa”, Lúcia Santos. 

Na semana passada, foram realizados 758 atendimentos por Unidade de Suporte Básico (USB), 176 por Unidade de Suporte Avançado (USA) e 29 por Motolâncias.

Foram registradas 54 ocorrências de quedas naturais, 46 quedas com moto, 33 colisões entre carro e moto, e 11 colisões entre moto e moto. O Samu prestou, também, o atendimento pré-hospitalar para 15 vítimas de agressões físicas, 12 por atropelamento e 02 por colisões de carro com carro.

Já na segunda-feira, 28, foram registradas 685 ligações. Dessas, 102 foram trotes e 10 orientações médicas. Foram enviadas 131 ambulâncias, sendo 05 motolância, 98 atendimentos por Unidade de Suporte Básico (USB), 28 por Unidade de Suporte Avançado (USA).