Duas mulheres são executadas em Ribeirópolis

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 24/01/2017 às 00:10:00

A polícia de Ribeirópolis (Agreste) investiga o assassinato de duas mulheres que foram encontradas mortas a tiros na manhã deste domingo. Os corpos estavam estendidos nas margens da rodovia estadual Pedro Paes Mendonça, próximo ao acesso do povoado Serra do Machado. Maiara Santos de Jesus, 15 anos, e Dayane Sousa Costa, 23, foram baleadas enquanto passavam de moto pelo local. Segundo testemunhas, os disparos teriam partido dos ocupantes de um carro de cor branca que teria seguido as vítimas.

De acordo com o delegado de polícia de Ribeirópolis, Eurico Nascimento, o caso pode estar relacionado a uma tentativa de assassinato ocorrida em 16 de outubro de 2016, em pleno centro da cidade, na qual um homem identificado como José Raí Andrade de Jesus foi atacado a tiros a sair de uma festa e ficou gravemente ferido. O incidente também provocou a morte da adolescente Samires de Souza Cruz, 13. A suspeita do delegado é de que o autor deste crime é o mesmo que teria matado Dayane e Maiara.

“Quem fez esse crime foi um elemento chamado Toninho. Esse Raí, que recebeu um tiro na cabeça, tinha uma ex-esposa chamada Dayane e a irmã dele é Maiara, que foram as vítimas desse crime. Nós suspeitamos que, como a Dayane era arrolada como testemunha desse caso e, segundo as investigações da Polícia Civil, estava envolvida com o Raí no tráfico de drogas, esse Toninho foi contratado para fazer esse serviço”, disse o delegado, ressaltando que o suspeito é considerado de alta periculosidade e já é investigado por cerca de 15 homicídios cometidos na região.

A polícia solicita a colaboração da população para prender o suspeito. As informações devem ser passadas pelo Disque Denúncia 181 ou pelo aplicativo da SSP/SE. A ligação é gratuita e o informante não precisa se identificar.