João Alves: "Conversarei diretamente com o servidor"'

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
João Alves durante entrevista ao programa A Voz do Servidor
João Alves durante entrevista ao programa A Voz do Servidor

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 21/08/2012 às 02:35:00

"Não vou falar com o servidor público e os representantes do Sepuma por meio de twitter, nem através de mesa de negociação, que não funciona. Na minha gestão os servidores vão falar diretamente comigo e com o secretário da respectiva pasta". A afirmação é do candidato a prefeito de Aracaju, do DEM, em entrevista concedida ao programa A Voz do Servidor.
Para o João, o funcionalismo público merece todo o respeito do gestor que está no comando, "afinal o servidor permanece e o prefeito é substituído".

João sustentou que é um político de prometer e cumprir. "Meu estilo é esse. Onde chego realizo. Vou gerir a máquina com base num Programa de Governo montado por um grupo seleto de técnicos, que viajou e pesquisou os 30 municípios do Brasil melhores administrados em todas as áreas. Segundo o democrata, os servidores públicos municipais podem esperar muitas novidades e uma delas é a capacitação do funcionário para que ele ascenda profissionalmente".

O candidato da coligação "Aracaju não pode esperar"  reafirmou: "Não sou populista, não digo o que não posso fazer, não dou a palavra para não cumprir. Eu quero conversar com todos os servidores".
Entre as novidades que o candidato a prefeito  anunciou está a criação de uma comunidade virtual entre os servidores para debater e trocar ideias - educação corporativa - com atualização em tempo real. "Vamos utilizar todos os mecanismos e fazer das tecnologias de comunicação ferramentas a serviço dos servidores", prometeu.
Quando o assunto abordado foi à formação profissional de servidores, o candidato a prefeito prometeu montar um centro permanente de capacitação profissional do setor público para o servidor, "que vamos estender para os familiares e aposentados".