Segurança: câmeras vão intensificar ação da Guarda Municipal

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 11/02/2017 às 00:06:00

A instalação de equipamentos tecnológicos para a segurança da capital faz parte das estratégias utilizadas pela Prefeitura de Aracaju para o Plano Nacional de Segurança. Através da Guarda Municipal (GMA), está sendo feito um levantamento e planejamento de uma nova sistemática de atendimento à população no que tange a segurança pública municipal.

A Guarda já possui 82 câmeras de alta qualidade que serão utilizadas neste projeto. Os locais de fixação já foram pré-definidos em conjunto com o Ministério da Justiça e a Polícia Militar, de forma que possa haver cooperação na fiscalização, a partir do compartilhando das informações dos equipamentos.

Também serão utilizados sensores em terminais, escolas e unidades básicas de saúde, para otimizar o tempo de atendimento das diligências. O subinspetor Fernando Mendonça, diretor-geral da Guarda, afirma que através desse aparato será possível conhecer de imediato o que ocorreu nos locais que são de atribuição primária da corporação. “Conseguiremos ter uma melhor identificação e agilidade no atendimento. Hoje, essas unidades não tem nenhum equipamento de segurança”, ressalta.

A Guarda dispõe ainda de um ônibus de videomonitoramento que será colocado brevemente em circulação. O veículo está equipado com tecnologia de ponta e também servirá para monitorar a cidade. “Utilizaremos o ônibus em locais públicos, como praças e calçadões. Ele servirá como um apoio, mas todo controle ficará na nossa central”, detalha o diretor-geral.

Ainda segundo o subinspetor Mendonça, a forma como é feita a operação da Guarda Municipal será reformulada e serão priorizados os locais com maior índice de criminalidade para inibir as ações. “As falhas de segurança dos prédios estão sendo levantadas e iremos solicitar iluminação e segurança eletrônica para os locais. É um trabalho minucioso, mas já está bem encaminhado. Estamos adquirindo o restante dos equipamentos e logo partiremos para o monitoramento”, completa.

 

Plano Nacional de Segurança - Aracaju será uma das primeiras capitais beneficiadas com o Plano Nacional Integrado de Segurança Pública (PNS). O termo de formalização para implantação do Plano foi assinado na última sexta, 3, com a presença do ministro da Justiça Alexandre de Moraes e do governador Jackson Barreto.

No próximo dia 15 chegarão à capital 120 homens da Força Nacional, que atuarão em operações conjuntas com as Polícias Federal, Rodoviária Federal, Militar e Civil, de policiamento ostensivo. O PNS tem o objetivo de reduzir homicídios dolosos, feminicídio e violência contra a mulher, além da racionalização e modernização do sistema penitenciário e combate à criminalidade organizada transnacional.