Itabaiana tenta encara o CSA no Rei Pelé

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 11/02/2017 às 00:15:00

Tricolor Serrano vai em busca da primeira vitória de olho na classificação na Copa do Nordeste

 

 

O Itabaiana já vai para a sua terceira partida na Copa do Nordeste e não sabe ainda o que é vencer na competição.Com apenas um ponto ganho em dois jogos, o vice-campeão sergipano precisa vencer esta tarde a equipe do CSA no Rei Pelé, para pensar em uma virada no returno e correr atrás da vaga na próxima fase.

Mas vencer o CSA no Rei Pelé é uma missão muito difícil para o Tricolor Serrano. Mas a vitória se faz necessária para continuar com chances de classificação. A derrota pode ser a eliminação prematura do Itabaiana. Mas o time segundo o treinador Ailton Silva está muito bem preparado e pode provocar uma surpresa em cima do CSA.

Pelo lado alagoano, o CSA vem de uma derrota e a consequente eliminação na Copa do Brasil, em casa para o Sport.O CSA agora quer recuperar a confiança da torcida. O técnico do Itabaiana disse que diante da maratona de jogos, é um momento mais de diálogo, não há tempo para treinos detalhados.

- Contra o CSA, temos que ter atenção e não cometermos os mesmos erros do jogo do ABC ande o adversário se aproveitou de alguns vacilos que cometemos.

 A delegação do Itabaiana já está em Maceió desde ontem.  Os jogadores estão motivados e o técnico confiante. “Nossa equipe tem tido uma forma de jogar tanto dentro como fora de casa e acredito que isso não vai mudar, temos que somar pontos nesse jogo para mantermos as chances de classificação”, avalia Ailton Silva.

O time para enfrentar o CSA, deve sofrer algumas alterações do que empatou com o Sergipe em 0x0 no clássico da última quarta-feira.“Vamos mudar algumas peças sim. Tenho duas dúvidas que só irão ser resolvidas antes do jogo, no meio campo e ataque”, comentou o técnico do Itabaiana.

O zagueiro Tiago Garça, deve retornar no lugar de Alexandre e os volantes Hércules e Daniel Paraíba devem sair Vinícius Golas e Zaquel. O meia André Beleza entra no lugar de Thomas Anderson e o atacante Geovane retorna no lugar de Diego Neves.

Assim, a equipe teria esta formação: Genivaldo; Magno, Thiago Garça, Heverton e Janilson Madona; Hércules, Daniel Paraíba, Zaquel, André Beleza e Igor Alves; Geovane e Paulinho Macaíba.