Prefeitura de São Cristóvão negocia dívidas da antiga gestão

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 17/02/2017 às 05:32:00

A Prefeitura de São Cristóvão fez um levantamento financeiro referente aos gastos e dívidas públicas de 2016 - e identificou um montante de dívidas alto da antiga gestão.

Diante da determinação do Tribunal de Contas de Sergipe, foi estabelecida uma cronologia para impedir novos pagamentos - os pagamentos da atual gestão - até que se quitassem todos os débitos. Também pela falta de referência documental dessas dívidas - onde muitos créditos estão inscritos na contabilidade, mas não existe a comprovoção da sua realização, em alguns casos falta nota fiscal, tornando os procedimentos incompletos - o prefeito Marcos Santana suspendeu, através do decreto Nº 208/2017, todos os pagamentos de 2016.

Haverá uma convocação de todos os credores à comparecerem com os documentos de comprovação da prestação de serviço para que haja uma renegociação. Os credores que não comparecerem, automaticamente estarão inseridos no parcelamento de 48 prestações, onde o processo passará pela controladoria interna para que seja analisado e, posteriormente, será parcelado.

Os demais credores que tiverem interesse em receber, deverão se apresentar para negociação. No decreto, consta o parâmetro da negociação onde o pagamento à vista é com 30% de desconto, e os descontos subsequentes proporcionais ao tempo de parcelamento.