Sobrinho do prefeito de Lagarto é assassinado

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 18/02/2017 às 00:07:00

Gabriel Damásio

 

O empresário Janisson Monteiro Barbosa, 36 anos, foi assassinado ao início da manhã desta sexta-feira, no bairro Horta, em Lagarto. Ele era sobrinho do prefeito de Lagarto, Valmir Monteiro (PSC), e proprietário da Tec Solda, uma oficina de veículos muito conhecida na cidade. Segundo a polícia, Barbosa foi atacado após parar o carro na Rua Agripino Fontes da Silva, onde um homem desconhecido passava com uma moto também parou. Testemunhas relataram que houve uma rápida discussão e, em seguida, o motoqueiro sacou uma arma e disparou pelo menos três tiros.Enquanto o matador fugia, Janisson, que já estava fora do carro, chegou a correr em busca de ajuda, mas caiu ainda na rua e morreu antes da chegada do socorro médico.

Moradores da vizinhança que presenciaram o crime chamaram imediatamente a Polícia Militar, que isolou o local do crime até a chegada de peritos dos institutos de Criminalística e Médico-Legal (IML). Soldados do 7º Batalhão da PM e agentes da Delegacia Regional de Lagartolevantaram as primeiras informações sobre o crime, buscando inclusive imagens de circuitos internos de TV instalados na rua, em busca de postas do assassino. Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), ainda não está descartada nenhuma hipótese sobre o motivo do assassinato.

O corpo do empresário foi recolhido pelo IML e levado a Aracaju no final da manhã, sendo liberado para o velório ao início da tarde. O enterro acontecerá às 8h de hoje no Cemitério Senhor do Bomfim, em Lagarto. Valmir Monteiro ficou bastante chocado com a notícia da morte do sobrinho e cancelou todos os compromissos previstos para esta sexta-feira, inclusive a inauguração de uma praça no bairro Alto da Boa Vista. Por meio de sua Secretaria Municipal de Comunicação, o prefeito lagartense disse que aguarda os esclarecimentos do crime para dar mais informações.Janisson era casado e deixacinco filhos.

A família do prefeito Valmir Monteiro já esteve perto de sofrer com o drama de ter um parente assassinado. Em agosto de 2012, a Polícia Civil abortouo plano de alguns traficantes para executar um irmão do político, José Monteiro dos Reis, que chegou a ser preso durante a “Operação Carcharodon”. Segundo as investigações da época, José foi jurado de morte porqueteria revendido drogas sem o conhecimento dos chefes da principal quadrilha que atuava na cidade e foi desarticulada durante a operação. Na época, todas as 14 pessoas que integravam o grupo também foram presas e um dos líderes, considerado o mais perigoso, morreu em confronto com policiais militares que participaram da operação.