Torcidas organizadas retornam ao Batistão

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 19/02/2017 às 07:58:00

Decisão foi anunciada nesta sexta-feira pela defensora da Trovão Azul, advogada Danielle Ferreira

 

Givaldo Batista

givaldobs@yahoo.com.br

 

Valeram o apelo e as justificativas ao Ministério Público Estadual (MPE) da advogada Danielle dos Santos Ferreira, representante da torcida Trovão Azul e as Torcida Esquadrão Colorado (TEC) e Trovão Azul (TTA) podem retornar aos estádios sergipanos, fazerem a festa, inclusive com suas charangas, fazendo a alegria retornar aos estádios da capital.

A notícia foi divulgada no final da tarde desta sexta-feira pela própria advogada. A decisão judicial foi fruto da reunião realizada na manhã da quinta-feira na Secretaria de Estado, do Esporte do Lazer e da Juventude. A decisão alcança apenas essas duas torcidas, pois são as únicas que até o momento apresentaram os documentos, atendendo as exigências dos órgãos de segurança e do Ministério Público, para terem acesso às praças de esportes.

Naquela oportunidade representantes das torcidas organizadas Trovão Azul (TTA), do Confiança e Torcida Esquadrão Colorado (TEC), apresentavam como justificativa o fato de a justiça não ter cassado a liminar que liberava as torcidas e sim ter encaminhado o processo para apreciação de outra instância.

- Se a liminar não foi cassada, permanece a decisão anterior da juíza, que liberava as torcidas organizadas com suas e charangas a terem acesso às praças de esportes, defendia Danielle Ferreira. E esse entendimento foi acatado pelo MPE.

Assim, já a partir do clássico deste domingo, integrantes das torcidas organizadas Trovão Azul e Esquadrão Colorado, ganham o direito de acessar às praças de esporte, devidamente uniformizadas e com suas charangas.