Oposição na Câmara pede CPI do Lixo em Aracaju

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 08/03/2017 às 00:23:00

O vereador Elber Batalha vai entrar com um requerimento na Câmara Municipal de Aracaju para que seja instaurada a CPI do Lixo em Aracaju. O motivo da instauração da Comissão Parlamentar de Inquérito é devido ao processo de contratação emergencial da empresa Torre, que voltou a operar na capital com um contrato no valor de mais de R$ 42 milhões.

Para o líder da oposição, isso é uma afronta à população aracajuana e, principalmente, aos servidores da capital, que tiveram seus salários parcelados com a justificativa de que a prefeitura não tinha dinheiro para pagar integralmente os proventos do mês de dezembro. “O prefeito Edvaldo Nogueira manga da nossa cara. Para quem não tinha dinheiro para pagar os servidores e fornecedores, hoje a prefeitura tem duas empresas que atuam na coleta de lixo que somadas custam R$ 75 milhões aos cofres públicos. Isso é imoral, irresponsabilidade do prefeito firmar este contrato com a Torre”, disse o líder.

Elber ainda informou que na legislatura passada o vereador Bertulino Menezes também entrou com um requerimento de CPI por fortes indícios de superfaturamento, malversação de dinheiro público e tráfico de influência em relação a contratação da empresa Torre entre os anos de 2010 e 2016. Vale ressaltar que este requerimento foi arquivado pela Casa à época.