Treinador critica regulamento da primeira fase

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 09/03/2017 às 00:26:00

O Confiança foi, com méritos, campeão da primeira fase do Campeonato Sergipano. Foi uma campanha invicta, com sete vitórias e dois empates em nove partidas. Mas a conquista rendeu apenas uma premiação de R$30 mil. O atual regulamento da competição, não oferece ao melhor desta etapa nenhuma vantagem para a sequência do campeonato, muito menos vagas para competições nacionais. Por isso, os clubes propõem mudanças na fórmula de disputa, a partir da próxima temporada. Técnico campeão com a equipe azulina, Leandro Sena foi mais um que reclamou das regras atuais.

- Não é um regulamento que me agrade, acho que essa primeira fase ela acaba sendo, entre aspas, uma fase nula dentro da competição. Mas não pode ser modificado devido ao Estatuto do Torcedor. Mas eu acho que é aquilo. Dá confiança e respeito para a fase seguinte. Então a gente vai começar do zero, vamos trabalhar forte aí nesta segunda fase para manter esse nível- disse Leandro Sena.

Leandro Sena destacou também a campanha produtiva do clube, mesmo diante de muitas dificuldades na formação do elenco. Fora das competições regionais e nacionais em 2017, o Confiança se viu obrigado a fazer um trabalho de reconstrução do elenco com orçamento apertado. Mesmo assim, o time encaixou de forma rápida, mostrando alguns valores que têm feito a diferença, caso do meia Rafael Villa e do atacante Tito, atual artilheiro com seis gols. O Time Proletário tem a 4ª maior sequência invicta do Brasil.