Acusados de tráfico e estelionato são presos em Estância

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 11/03/2017 às 00:05:00

A Secretaria da Segurança Pública (SSP) detalhou ontem a prisão de três acusados de tráfico interestadual de drogas, flagrados na noite desta quinta-feira, durante uma operação da Delegacia Regional de Estância. Guilherme Bezerra Antero da Silva, 26 anos, Reginaldo Dantas Guerra Júnior, 28, e Fabiana Alfonso, 22, que são dos estados de Rondônia e Mato Grosso do Sul, foram presos na BR 101, próximo à entrada de Estância (Sul). Eles estavam em um Toyota Corolla que foi interceptado na rodovia, após denúncia anônima, e com eles foram encontrados 500 gramas de maconha prensada, cocaína, cartelas de LSD, mil e R$ 50 em dinheiro, dois notebooks, um ‘chupa-cabra’ (equipamento utilizado para aplicar golpes bancários) e vários cartões de crédito.

Segundo informações do delegado Hugo Leonardo, responsável pelo caso, o trio estava em Recife (PE) durante o carnaval, com o intuito de traficar drogas no festejo e aplicar golpes nos bancos locais. “Temos a informação que eles conseguiram lesar uma agência em cerca de R$ 80 mil. Eles possuem um histórico de grandes transações financeiras, inclusive verificamos isso em suas redes sociais. Eles estavam em Pernambuco, local onde adquiriram as drogas, mas possuem ligações com o tráfico em outros estados, em Rondônia e no Mato Grosso do Sul. Nós, até mesmo, já identificamos dois dos receptadores aos quais as drogas eram endereçadas”, explica o delegado.

O trio pagou R$ 19 mil em espécie no Corolla, com placas de Recife, que foi apreendido na operação por ser fruto de dinheiro ilícito. Os dois homens são amigos e já possuem passagens pelo sistema prisional, um por Goiás e outro por São Paulo. Reginaldo foi preso anteriormente por receptação e uso de documento falsificado, enquanto Guilherme já foi preso também por tráfico de drogas. Fabiana por sua vez é namorada de Reginaldo, a maioria da droga apreendida foi encontrada em sua bagagem.

O trio foi autuado em flagrante e será investigado pelo Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope), com apoio da polícia pernambucana.