Cope desarticula quadrilha responsável por roubos de carga em Sergipe

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 29/03/2017 às 00:52:00

A Polícia Civil, por meio do Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope) e da Divisão de Inteligência da Polícia Civil (Dipol), desarticulou no município de Cumbe, uma quadrilha acusada de envolvimento com roubos de carga em Sergipe e na Bahia: um carregamento com café e outro com leite em pó, ambos na cidade de Capela; uma carga de óleo diesel, crime registrado na cidade baiana de Conceição do Jacuípe; além da tentativa de roubo a um caminhão que transportava leite em pó e que culminou com a prisão do grupo na última semana.

Os homens foram identificados como Tenisson Silva Santana, conhecido como “Tenisson Cabeleira”, 50 anos, apontado como líder do grupo; Edson dos Santos, vulgo “Edson do Ferro Velho”, 37 anos, responsável pela estrutura financeira do grupo; Rodolfo Aparecido de Souza, 22 anos; César da Cruz Silva, 23 anos; Edmilson Souza Santos, 45 anos; e Rafael Picasso, que estava com mandado de prisão em aberto pelo cometimento do crime de homicídio no estado de São Paulo.

 “Recebemos a informação de que o grupo estaria seguindo um veículo pela rota do sertão com o objetivo de realizar o roubo a um caminhoneiro que transportava leite em pó. O grupo estava dividido em três veículos, sendo um caminhão de cor amarela, um Corolla de cor preta e uma Amarok de cor branca. Eles tentaram roubar a carga no estado da Bahia, porém o caminhoneiro conseguiu realizar uma manobra na pista e conseguiu se desviar. Já em Sergipe, abordamos os homens na cidade de Cumbe. Estavam três na Amarok, que resistiram à prisão efetuando disparos contra os policiais; três no caminhão e um sétimo envolvido que conseguiu se evadir no Corolla, mas que já estamos trabalhando na identificação”, detalhou o delegado Dernival Eloi, responsável pela investigação.

O acusado Wedmo de Jesus Tojal chegou a ser atingido por disparos de arma de fogo na troca de tiros, porém foi encaminhado ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse) e segue preso com os demais integrantes da quadrilha.

 

Material apreendido - Com os homens, a Polícia Civil apreendeu uma Amarok branca e um caminhão amarelo, dois bloqueadores de sinal, que impediam o rastreamento do veículo de grande porte até que o grupo se desfizesse da carga; um revólver calibre 38 com cinco munições, sendo uma deflagrada e outra picotada.

 “É uma quadrilha estruturada, que inclusive contou com dois integrantes que chegaram no estado dia 18 de março por via aérea. O acusado “Tenisson Cabeleira” é sergipano, oriundo de uma família com antecedentes neste tipo de crime e que já foi preso em diversas cidades do país pelo mesmo delito. O grupo sempre utilizou arma de fogo em suas ações, em muitos casos restringindo a liberdade das vítimas até se desfazer da carga roubada”, completou o delegado Dernival Eloi.

Os acusados Wedmo, Tenisson e Edson, que estavam na Amarok branca, foram autuados em flagrante pelos crimes de tentativa de roubo, tentativa de homicídio, resistência e formação de quadrilha. Já os envolvidos Rodolfo, César e Edmilson, que estavam no caminhão, responderão pelos delitos de tentativa de roubo, formação de quadrilha e resistência.

O flagrante foi distribuído ao juízo de direito da Comarca de Nossa Senhora das Dores, Distrito Judicial de Cumbe. A prisão preventiva do grupo foi decretada e ainda essa semana serão encaminhados ao sistema prisional.