Procurado por homicídio morre em confronto

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
OBJETOS APREENDIDOS NA OPERAÇÃO POLICIAL. Foto: Divulgação/SSP
OBJETOS APREENDIDOS NA OPERAÇÃO POLICIAL. Foto: Divulgação/SSP

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 04/04/2017 às 00:37:00

Uma operação realizada ontem por policiais do Departamento de Homicídio de Proteção à Pessoa (DHPP) e do Grupo Especial de Repressão e Busca (Gerb), resultou na localização de Carlos Henrique Oliveira Teles Junior, o ‘Nuno’, 29 anos, que morreu em confronto com os agentes. O fato aconteceu no conjunto Jardim I, em Nossa Senhora do Socorro (Grande Aracaju).

De acordo com a delegada Maria Zulnária Soares, da 4ª Divisão do DHPP, Nuno seria responsável pelo assassinato de Carlos Matos de Jesus, ocorrido no dia 26 de fevereiro deste ano, durante uma festa carnavalesca no mesmo conjunto. "Durante as investigações, constatamos que Nuno teria sido o autor do homicídio. O autor e a vítima teriam discutido durante a festa, momento em que o Nuno, depois de se retirar do evento, retornou e efetuou vários disparos contra Carlos Matos, causando a sua morte", explicou.

De posse de informações via Disque-Denúncia, as equipes se deslocaram até uma residência localizada no Conjunto Jardim I, onde o acusado estaria escondido, a fim de dar cumprimento ao mandado de prisão. Ao chegarem ao local, Nuno foi localizado e acabou reagindo, sendo atingido por um disparo. Ele morreu em seguida. Durante a abordagem, a polícia encontrou um colete balístico, além de duas armas de fogo, sendo um revólver e uma espingarda. Carlos Henrique já havia sido preso anteriormente pelos crimes de porte ilegal de arma e tráfico de entorpecentes.