Desprendimento público de adversários

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 03/06/2017 às 00:18:00

O governador Jackson Barreto (PMDB) e o deputado federal André Moura (PSC) são adversários políticos. Estiveram eventualmente como aliados nas eleições de 2010, quando Marcelo Déda disputou a reeleição em uma aliança com o agrupamento político de André e do senador Eduardo Amorim (PSDB), que chegou a ser candidato a uma das vagas ao Senado na chapa encabeçada pelo petista.

Essa aliança durou pouco tempo. Um ano depois Déda rompeu com o agrupamento de André e Amorim, em razão da eleição antecipada da Assembleia Legislativa em um ano sem uma conversa com o governo. Com o rompimento, foram vários anos de grandes embates políticos entre os aliados do governo e da oposição.

André Moura foi quem mais deu a cara. Estava sempre dando entrevistas criticando o governo Déda, principalmente no grande impasse do projeto polêmico do Proinveste, que a então presidente da Assembleia, Angélica Guimarães, engavetou por um longo período.

Em 2014, quando Jackson disputou o governo contra Eduardo Amorim aumentou a animosidade entre ele e André Moura. Os dois trocaram muitas farpas públicas, nas entrevistas que concediam à imprensa. JB foi eleito governador e André reeleito deputado, permanecendo o clima de discórdia entre eles.

Nesse período, a crise econômica se agravou no país, Dilma Rousseff sofreu impeachment, o vice Michel Temer assumiu a presidência da República e André se tornou seu líder no Congresso Nacional.

Com a força e o prestigio político de André em Brasília, pelo posto que ocupa, o governador resolveu colocar as questiúnculas políticas de lado e procurar o líder do governo para ajudar na liberação de recursos para Sergipe. O primeiro passo foi dado quando JB pediu audiência a Moura para tratar do Canal de Xingó, cujo projeto ainda não tinha saído do papel.

André, também demonstrando humildade e desprendimento, marcou a audiência. Recebeu bem o governador e a bancada federal, e prometeu ajudar no que fosse possível. JB, além do Canal de Xingó, falou das obras de duplicação da BR – 101 paralisadas em alguns trechos e da reforma do aeroporto.

André, mesmo com a chateação de aliados, começou a correr atrás da liberação de recursos para acatar esse pleito de Sergipe. Conseguiu os recursos para o projeto base do Canal de Xingó e para a retomada de algumas obras do trecho da BR – 101.

Ontem, ele trouxe a Sergipe o diretor de engenharia da Infraero, Rogério Barzelai e o superintendente do setor, Adelson Guimarães, para tratar com o governador do projeto de reforma, modernização e ampliação do Aeroporto Santa Maria. Na oportunidade, JB apresentou o projeto e o diretor da Infraero garantiu os R$ 110 milhões necessários para a obra. Foi anunciado a licitação para 12 de junho, com a previsão de início da obra em agosto.

O gesto de Jackson Barreto e André Moura - que desagradou, e muito, aos aliados de ambos - demonstrou que o desenvolvimento de Sergipe e benefícios para a população estão acima de qualquer divergência política.  Foi ainda uma demonstração de grandeza e espírito público.

No caso específico do deputado, que chegou a ir ao Palácio de Despachos, ele deu uma demonstração ainda de que não é partidário da política do quanto pior, melhor, como atua alguns parlamentares de oposição.  

...............................................................................................................

 

No Palácio de Despachos 1

O governador Jackson Barreto (PMDB), quando da apresentação do projeto de reforma e ampliação do Aeroporto de Aracaju, disse que o projeto era muito esperado, que esteve entre 10 e 15 vezes na Infraero em busca dessa reforma tão importante para Sergipe. Agradeceu ao líder do governo no Congresso deputado André Moura (PSC) e a todos os deputados federais e senadores pela emenda de R$ 40 milhões, destinada para a obra.

 

No Palácio de Despachos 2

Já André Moura destacou a parceria dos governos federal e estadual para viabilização da obra. “Esse projeto é fruto de um diálogo de todos nós. Os estudos mostraram que essa reforma dará capacidade para o terminal atender as necessidades de Sergipe até 2038. Após a entrega, Sergipe passará a ter um dos aeroportos mais modernos do Brasil. Com os recursos já investidos pelo governo do Estado e governo federal, ao todo, serão R$ 238 milhões investidos no aeroporto. Todos se uniram para tornar esse sonho”, disse o parlamentar.

 

No Palácio de Despachos 3

Da bancada federal de Sergipe, além de André Moura estavam presentes ontem no Palácio para apresentação do projeto de reforma e ampliação do aeroporto os deputados federais: Adelson Barreto (PR) e Jony Marcos (PRB), além dos deputados estaduais Luciano Bispo (PMDB), Zezinho Guimarães (PMDB), Robson Viana (PEN), Tijoi (PR) e Capitão Samuel (PSL).

 

Gesto de grandeza

De André, à imprensa, sobre a sua ajuda na liberação de recursos para a reforma do aeroporto em atendimento a um pleito do governador e de correr atrás da liberação de recursos para o Forró-Caju 2017 em atendimento a um pedido do prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB), que são adversários políticos: “Se for erro ajudar Aracaju e Sergipe, trazer mais recursos e dar a atenção que a população de Aracaju merece então vou continuar errando”.

 

Forró-Caju 2017

O deputado afirmou ontem que ainda não garantiu a liberação dos recursos para o Forró-Caju, mas que está se empenhando para viabilizá-los junto aos Ministérios do Planejamento e do Turismo.  Disse que cuida agora da parte burocrática e que tenta recursos na ordem de R$ 2 milhões para Aracaju e Estância.  Ressaltou que até a próxima quarta-feira espera ter boas notícias. Avaliou como correta a decisão do prefeito Edvaldo Nogueira em só querer realizar a festa com o dinheiro em caixa. 

 

Oposição no palácio

O governador Jackson Barreto recebeu anteontem, no Palácio de Despachos, o prefeito Valmir de Francisquinho (PR-Itabiana), para tratar da construção da Central de Abastecimento no município, cuja obra está orçada em R$ 30 milhões. Na oportunidade, Valmir, que é aliado dos irmãos Amorim, destacou a importância do investimento e que a  construção da nova unidade da Ceasa é um anseio da população itabaianense.

 

Ponto de vista

Um aliado do governo chegou a comentar: “O trabalho do governo do Estado em Itabaiana, principal município de nosso Agreste, é reconhecido até mesmo pela oposição”.

 

Congresso do PT 1

 O 6º Congresso Nacional do PT, que acontece desde a quinta-feira, em Brasília com a participação de delegados de Sergipe, deve eleger hoje a senadora Gleisi Hoffmann (PR) presidente nacional da legenda. Gleisi - que tem o apoio do ex-presidente Lula e do secretário nacional de finanças Márcio Macedo, que, inclusive, retirou seu nome da disputa para apoiá-la - disputará a presidência com o também senador Lindbergh Farias (RJ).

 

Congresso do PT 2

 Na abertura do evento o ex-presidente Lula afirmou: “O preconceito não é nosso, o ódio não vem de baixo, o ódio vem de cima porque eles não querem que a gente suba nem um degrau na escala social". "Agora eles não querem nem que a gente ganhe salário no campo, querem que a gente trabalhe a troco da comida”.

 

Congresso do PT 3

Já a ex-presidente Dilma Rousseff, também presente ao congresso, denunciou a perseguição jurídica e midiática que busca inviabilizar uma candidatura de Lula à Presidência da República. Ela defendeu a realização de eleições diretas, a democratização dos meios de comunicação e uma constituinte para promover as reformas e retomar a democracia no Brasil.

 

 Veja essa...

O apartamento de 685 metros quadrados de Joesley Batista, em Nova York, na 5ª Avenida, custa U$ 34 mil mensais (ou seja R$ 111 mil) ao delator da JBS. Esse dinheiro corresponde somente as taxas de condomínio.

 

CURTAS

 

O ex-governador Albano Franco (PSDB) considera como uma grande vitória dos estados, notadamente do Norte-Nordeste, a aprovação pela Câmara dos Deputados, na última quarta-feira, do Projeto de Lei Complementar 54/2015, que convalida os incentivos fiscais dados pelos estados para atração de empresas.  Ele, que fez articulações no âmbito da CNI, para aprovação da matéria, reconhece a importância desse instrumento para a redução das desigualdades regionais.

 

Albano também lembrou que quando governou Sergipe teve oportunidade de, através de incentivos fiscais trazer dezenas de indústrias para o Estado, que geraram desenvolvimento e milhares de empregos. Ele aproveitou para parabenizar também o empenho do governador Jackson Barreto e o apoio da bancada federal sergipana na aprovação do referido projeto de lei.

 

O senador Eduardo Amorim (PSC), o deputado federal Valadares Filho e os deputados estaduais Georgeo Passos e Antônio dos Santos visitaram ontem os municípios de Cedro de São João, Telha e Amparo de São Francisco. Tomaram café da manhã com o prefeito Neudo Alves (DEM-   Cedro).

 

De Cedro de São João, os parlamentares foram para Amparo do São Francisco para entrega de kits de irrigação e de peixamento de mais de 100 mil alevinos em lagoas às margens do Rio São Francisco.