Acordo em Carira/SE

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 08/06/2017 às 08:14:00

Um passo muito importante e que foi comemorada pelos professores da rede municipal de Carira, foi o acordo para pagamento do valor retroativo dos pisos do magistério referentes aos anos de 2012, 2013 e 2014, o qual o prefeito do município, Arodoaldo Chagas, “Negão”, propôs para pagamento de uma só vez.

A sugestão foi aceita ontem, 06, pelos representantes da categoria, através do Síntese, durante uma reunião do prefeito.A administração municipal ainda declarou que irá encaminhar a proposta através de projeto de lei para a Câmara Municipal. Assim que o for aprovado pelos vereadores e sancionado pelo prefeito, o Município fará o pagamento na conta de cada professor.

Além disso, no acordo ainda foi firmado que o magistério passará a receber seus salários com base no Piso de 2014, o que representará para o município o investimento de R$ 150 mil por mês na folha salarial da categoria. Durante a reunião, o prefeito agradeceu a compreensão dos professores, que também aceitaram ceder em alguns pontos, garantindo que o Município pudesse apresentar essa proposta, que está dentro das condições financeiras atuais.

Negão destacou ainda que só foi possível chegar a essa proposta porque já no primeiro ano do seu governo, a Secretaria da Educação se esforçou para garantir um aumento de alunos matriculados, melhorando a partir do próximo ano, o repasse do Fundeb.

-

Cidade Sem Lixão

O representante do Consórcio Intermunicipal de Resíduos Sólidos do Agreste Central, Gildo participou nesta manhã da última, terça-feira, do Seminário “Cidade Sem Lixo” , coordenada pelos Ministérios Públicos Estadual (MPE), Federal (MPF) e de Contas (TCE). Juntos, eles buscam mostrar a importância da implementação da Política Nacional de Resíduos Sólidos no Estado de Sergipe. O evento ocorreu no auditório do Tribunal de Contas do Estado (TCE) e contou com a presença de gestores, secretários, coordenadores e representantes de cooperativas.

=

Conivales

O representante do Consórcio Intermunicipal do Vale do São Francisco (Conivales), Franklin Freire, prefeito de Amparo do São Francisco, continuam participando das sessões ordinárias nas Câmaras Municipais dos futuros municípios consorciados. O objetivo é esclarecer os vereadores sobre o funcionamento do Conivales e seus benefícios para as administrações municipais, principalmente no que se refere à economia de recursos públicos, com qualidade e agilidade dos serviços. A rotina que se iniciou na última segunda-feira, 5, quando Franklin esteve na Câmara de Tomar de Geru, fazendo uma apresentação detalhada da legislação e funcionamento do consórcio segue e amanhã leva ele até a Câmara do município de Telha, já na sexta o representante do Conivales estará no Legislativo de Cedro de São João, outra cidade consorciada. De acordo com ele, a receptividade dos vereadores tem sido positiva, e a tendência é que os parlamentares aprovem a inclusão dos seus respectivos municípios ao Consórcio do Vale do São Francisco.                       

-

Inovação

Em reunião com o presidente do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe, Clóvis Barbosa, e o assessor jurídico da Presidência, Vinícius Nascimento, o representante do Consórcio Intermunicipal do Vale do São Francisco (Conivales), Franklin Freire, prefeito de Amparo do São Francisco, discutiu sobre a SPE – Sociedade de Proposta Específica. A SPE estabelece uma nova fórmula de contratação de prestadores de serviços para as gestões municipais através do regime de MEI – Micro Empreendedor Individual. “Esse modelo ainda é uma novidade no setor público, por isso estamos fazendo questão de discuti-lo com os órgãos fiscalizadores para analisarmos sua legalidade e fases de implantação, caso seja adequado ao serviço público”, explicou Franklin. O Sebrae, de acordo com ele, será um parceiro essencial na discussão dessa implementação.