Márcio Macêdo é eleito vice-presidente nacional do PT

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Márcio com Lula, Gleisi e a sua mulher logo após a posse. Foto: Divulgação
Márcio com Lula, Gleisi e a sua mulher logo após a posse. Foto: Divulgação

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 07/07/2017 às 00:22:00

O ex-deputado federal Márcio Macêdo foi eleito, nesta quinta-feira (6), vice-presidente nacional do Partido dos Trabalhadores. A escolha pelo nome dele se deu na primeira reunião do Diretório Nacional da sigla, um dia após a senadora Gleisi Hoffmann ser empossada presidente do partido. Caberá a Márcio auxiliar a nova presidente na coordenação política do PT e na preparação da legenda para o processo eleitoral de 2018.

"A presidenta Gleisi e o presidente Lula me convidaram para ajudar na coordenação política do partido e na preparação do PT no processo eleitoral de 2018, além da construção do diálogo para formação dos palanques para as próximas eleições. Iremos trabalhar juntos na reestruturação partidária do PT", afirmou o novo vice-presidente.

Em seu discurso na reunião, Márcio agradeceu o apoio recebido pela unanimidade do partido quando foi escolhido para ser secretário nacional de Finanças. "Enfrentamos a crise, reequilibrarmos o partido e deixamos o PT saudável, do ponto de vista financeiro, para o próximo processo eleitoral. Estou feliz, com o coração em paz e com o sentimento de missão cumprida. Aceito agora a nova missão e estou pronto para o trabalho", disse.

Ao comentar o momento político atual do país, o ex-deputado destacou que o "PT tem a missão de enfrentar o governo usurpador de Michel Temer". "Ele tem que sair, mas defendo que no pós-Temer, tem que haver eleições diretas. Isto nos diferencia de outros grupos que também defendem a deposição do presidente. A gente acredita que só através de eleições diretas será possível restabelecer a normalidade democrática no Brasil", afirmou. 

 

Lula em Sergipe - Mais cedo, através das redes sociais, Márcio anunciou que o ex-presidente Lula virá a Sergipe em agosto. De acordo com a informação do dirigente partidário, o ex-presidente fará uma "jornada" pelo Nordeste no próximo mês. Em Sergipe, segundo Márcio, Lula visitará a capital Aracaju e os municípios de Lagarto e Itabaiana, entre os dias 18 e 24 de agosto.