Bandidos invadem fazenda do prefeito de Canhoba

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 25/07/2017 às 00:27:00

Seis criminosos armados invadiram, na manhã deste domingo, a fazenda do prefeito de Canhoba (Baixo São Francisco), Manoel Messias Hora Guimarães, o ‘Mané do Arroz’ (PSD). Ele e seus familiares foram rendidos por volta das 7h, no momento em que o caseiro chegava ao poleiro das galinhas e foi tomado como refém pelos ladrões, que o obrigaram a chamar os patrões. Em seguida, eles entraram na casa da fazenda e começaram a agredir os reféns, entre eles o prefeito, um dos filhos e o caseiro. Durante cerca de 20 minutos, os bandidos ameaçaram as vítimas e recolheram cerca de R$ 3,8 mil em dinheiro, além de um aparelho de TV, talheres de cozinha e a chave de uma caminhonete.

Manoel contou que o crime foi denunciado porque um dos familiares se escondeu em um dos quartos e telefonou para um secretário, que avisou à polícia. Equipes do 2º Batalhão da Polícia Militar (2º BPM) chegaram rápido à fazenda e conseguiram prender um assaltante que carregava o aparelho de TV. Ele foi identificado como Alex Junior Santos Lima, 24 anos e autuado em flagrante na Delegacia Plantonista de Itabaiana (Agreste). Os outros bandidos fugiram pelo milharal da fazenda, a bordo de um VW Fox com placas da Bahia.

O caso é investigado pela Delegacia de Canhoba e pela Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (Copci), com a participação direta do delegado Jonathas Evangelista. Os investigadores trabalham para identificar quem são os outros participantes do assalto. O prefeito relata que um dos bandidos estava encapuzado e desconfia que este pode ter sido alguém que passou informações privilegiadas aos comparsas sobre a rotina da fazenda. Manoel foi atendido em um pronto-socorro, com um ferimento no braço causado por uma coronhada de revólver. (Gabriel Damásio)