Governo devolve salas da Arena Batistão às federações e entidades esportivas

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto





Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 26/08/2017 às 00:12:00

O esporte sergipano está em festa. Na manhã desta sexta-feira, em nome do governador Jackson Barreto, o secretário de Estado do Esporte, Lazer e da Juventude, Antônio Hora Filho, presidiu a solenidade entrega das chaves das novas sedes das federações e entidades esportivase a redistribuição das salas sediadas na Arena Batistão.

A solenidade aconteceu no auditório da Federação Sergipana de Futebol (FSF) e foi prestigiada por autoridades esportivas, presidentes e representantes das federações de esportes amadores. “Nesta solenidade, estamos cumprindo um dos nossos primeiros compromissos, assumido com os senhores presidentes, na minha primeira reunião como secretário estadual de esportes”, lembrou o secretário Antônio Hora.

Na última reunião com os dirigentes esportivos, ficaram definidos os critérios de avaliação para redistribuição das salas. A partir de agora, com as suas respectivas chaves, as federações deverão se instalar e promoverem as mudanças e reformas que julgarem necessárias nas suasrespectivas salas, trazendo as demandas de reparo e melhorias para serem resolvidas pela Seel.

Presente à solenidade, o secretário municipal da Juventude e do Esporte (Sejesp), Jorge Araújo Filho, fez questão de enaltecer a importância dessas novas sedes e os benefícios que advirão para o esporte sergipano, especialmente o esporte amador.

- As federações estavam órfãs desde a reforma do Batistão. Hoje é um marco, uma grande conquista, uma demonstração de todo o empenho e comprometimento do Governador Jackson Barreto, do secretário Antônio Horas e das pessoas que trabalharam para isto acontecer. Então, parabéns a todas as federações, que recebem de volta suas “casas”,afirmou Jorge Araújo Filho.

O professor Manoel Luís Oliveira, presidente da Confederação Brasileira de Handebol (CBHb), que representa uma geração de dirigentes vitoriosos do estado de Sergipe, elevando a modalidade esportiva, ao status de campeão mundial e uma preferência nacional, também esteve presente na solenidade, prestigiando a entrega das sedes e o grande momento para o esporte sergipano.

- Este é um momento da mais alta importância para o esporte de Sergipe. Estamos juntos aqui, discutindo e confraternizando comos desportistas. Com a liderança do secretário, o trabalho que está sendo feito, tem uma importância ímpar. Cada federação ocupar o seu espaço é algo incrível, não tenho palavras para descrever, disse Manoel Luís.

A relação das entidades contempladas foi lida pelo Diretor de Praças Esportivas, Glennyson Cruz, cumprindo umas das principais metas desta gestão, que era a entrega das salas.

A Federação Sergipana de Boxe, ficará em uma sala subdividida com outras seis entidades, por exemplo. A sala receberá o nome de Centro Administrativo Adilson Maguila, em homenagem ao grande pugilista sergipano. O presidente da Federação Sergipana de Boxe (FSBoxe), Valter Duarte, se diz muito feliz em finalmente ter uma sede e nos fala que é um momento especial e importante para todos.

- Eu quero agradecer a todos que trabalharam para isso aqui acontecer, demonstrando a devida preocupação com o esporte e com todas as suas demandas, servindo de ferramenta de inclusão social e nos motivando cada vez mais, para desenvolver trabalhos que contemplem este importante setor da sociedade, afirma Valter.

Com a entrega simbólica das chaves aos representantes e presidentes das entidades, o secretário Antônio Hora Filho, demonstra o compromisso que o Governo do Estado, através da SEEL, tem com as políticas públicasde esportes, voltadas ao desenvolvimento do esporte sergipano.

- Precisávamos dar o primeiro passo. Então, nós estamos sim, entregando as chaves e devolvendo as salas às entidades. Para mim, é uma satisfação muito grande rever os amigos e dirigentes desportivos nesse momento, que marca a história do esporte em Sergipe, servindo de motivação e alegria para todos, garantindo que o trabalho e o desenvolvimento do esporte terão uma conotação bem melhor a partir de então,avaliou o secretário.