Embrapa e Amadeus preparam laboratório de Aquaponia para estudantes

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Aspecto da reunião na sede da Embrapa para discutir o laboratório do Amadeus. Foto: Divulgação
Aspecto da reunião na sede da Embrapa para discutir o laboratório do Amadeus. Foto: Divulgação

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 07/10/2017 às 06:09:00

O chefe-geral da Embrapa Tabuleiros Costeiros (Aracaju, SE), Manoel Moacir Macedo, recebeu esta semana a visita do coordenador do Projeto de Educação Ambiental e Sustentabilidade - PEAS do Colégio Amadeus, o professor José Bezerra.

Em pauta, os ajustes e preparativos finais para a inauguração da Unidade Demonstrativa de Aquaponia, tecnologia que combina a criação de peixes com vegetais hidropônicos, reciclando água e nutrientes e minimizando os resíduos no ambiente. O lançamento oficial deve acontecer em novembro, mas algumas visitas guiadas já estão sendo realizadas.

O laboratório instalado no Amadeus é uma iniciativa inovadora, pois estará aberto para visitas de alunos de outras escolas, com pessoal treinado para apresentar os detalhes e benefícios da tecnologia pesquisada pela Embrapa e que tem despertado o interesse de cada vez mais produtores rurais e urbanos.

Para interagir mais intensamente com o público estudantil e promover a popularização da ciência, a empresa federal desenvolve o Programa Embrapa & Escola, que tem patrocínio da Caixa e atende milhares de estudantes em todo o país, com visitas, palestras e experiências práticas em campo.