Brasil escalado com duas novidades

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
Brasil treinou no campo da Academia e está definido para enfrentar o Chile, na despedida das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018, na Rússia. Foto: Divulgação
Brasil treinou no campo da Academia e está definido para enfrentar o Chile, na despedida das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018, na Rússia. Foto: Divulgação

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 10/10/2017 às 06:04:00

A seleção brasileira encerrou na tarde desta segunda-feira 9, a sua preparação para o compromisso final nas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018 com um treinamento no Allianz Parque, local da partida desta terça, às 20h30, contra o Chile.

A equipe comandada por Tite terá duas mudanças em relação ao empate sem gols contra a Bolívia: o goleiro Ederson vai substituir Alisson, em troca já anunciada por Tite e Marquinhos retomará sua vaga no lugar de Thiago Silva, que se lesionou em La Paz.

O time que Tite ensaiou no treino desta segunda-feira, na Academia de Futebol, teve esta formação: Ederson, Daniel Alves, Marquinhos, Miranda e Alex Sandro; Casemiro; Philippe Coutinho, Paulinho, Renato Augusto e Neymar; Gabriel Jesus.Será a primeira partida de Gabriel Jesus no local, depois de sua saída do Palmeiras. O Brasil já está classificado para a Copa do Mundo da Rússia. O Chile ocupa neste momento a terceira colocação nas Eliminatórias e pode se classificar até com um empate.

O treino - Como é costumeiro na véspera das partidas, a imprensa só pôde acompanhar os primeiros 15 minutos da atividade. Neste período, Tite dava mais atenção aos reservas, que trabalhavam em uma parte do campo, enquanto os titulares realizavam aquecimento com bola.

O volante Arthur, que reclamou de dores musculares após o treinamento do último domingo, participou normalmente do treino e ficará à disposição do técnico para o duelo desta terça.