Club Sportivo Sergipe, 108 anos de glória

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto
A sala de troféus se transformou no memorial do Sergipe, muito bem cuidado pelo Dida. Foto: Divulgação
A sala de troféus se transformou no memorial do Sergipe, muito bem cuidado pelo Dida. Foto: Divulgação

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 18/10/2017 às 07:02:00

O momento todos sabem não é para comemoração. As últimas gestões deixaram a equipe em situação financeira muito delicada. Segundo o conselheiro Reinaldo Moura, o time está vivendo de rifas e sorteios para sobreviver e pagar folhas do pessoal administrativo e saldar os salários de alguns atletas.  É essa a situação da mais antiga equipe do futebol sergipano, o Club Sportivo Sergipe, que nesta terça-feira 17, completou 108 anos de fundação.

Sem festa e sem muita comemoração. Apenas uma missa em ação de graça na igreja de Santa Rita marcou a passagem de tão importante data para o clube e para sua grande torcida.

Fundado em 17 de outubro de 1909, o Sergipe foi o segundo clube esportivo a surgir em Aracaju. Uma das versões sobre seu surgimento é de que um grupo de torcedores insatisfeitos do Continguiba Esporte Clube – o primeiro clube do estado – fundaram um novo clube: o Club Sportivo Sergipe.

O Mais Querido é o maior vencedor da história do Campeonato Sergipano, com 34 títulos. No cenário nacional, participou algumas vezes das quatro séries do Campeonato Brasileiro, 16 vezes da Copa do Brasil e dez vezes da Copa do Nordeste. Neste ano, o Gipão disputou a Série D, mas foi eliminado na Primeira Fase.