Prefeitura de São Cristovão anuncia retomada do Festival de Artes

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Clique nas imagens para ampliar

Publicada em 08/11/2017 às 06:58:00

Na manhã desta terça-feira, o prefeito de São Cristóvão, Marcos Santana, lançou oficialmente a programação do 34º Festival de Artes de São Cristóvão (FASC), no auditório do Centro Administrativo da Prefeitura Municipal, na histórica praça São Francisco. O gestor sancristovense contou os detalhes da retomada do evento cultural mais importante do Estado, e também anunciou as atrações que estarão na programação festiva.

 

Para Marcos Santana, a volta do FASC, após 12 anos de interrupção, marca o renascimento de um dos mais importantes movimentos culturais do Estado de Sergipe. “Por ter vivido o FASC em seus tempos áureos, encaramos esse retorno como uma obrigação com a população da nossa cidade, e com o cenário cultural do nosso Estado. Retomamos esta tradição com a perspectiva de que continuemos pelos próximos anos, sempre aumentando nosso campo de atuação.”, argumentou.

 

Segundo o superintendente executivo da Secretaria de Estado da Cultura, Irineu Fontes, o FASC tem um valor sociocultural que transcende o espaço geográfico e a dimensão artística do evento. “As culturas se criam, alteram-se e se ressignificam. Ou seja, se reinventam. E assim está sendo feito com o maior Festival de Artes das décadas de 70 e 80, o FASC. Recebê-lo de volta é um suspiro de esperança na luta pela democracia, na ampliação das políticas para a cultura e no compartilhamento da arte com a população”, avaliou.

 

Opinião compartilhada pelo músico sancristovense Julio Andrade, da The Baggios, que considera a retomada do festival representativo para o cenário cultural do Estado, já que faz parte da tradição histórica e da formação de gerações de artistas sergipanos. “Nas últimas edições do festival, a Baggios estava em processo embrionário, mas já entendíamos a importância do FASC, que é muito marcante para quem vive na cidade e em Sergipe”.

 

Atrações – A programação do 34º FASC iniciará já no mês de novembro com alguns eventos e oficinas programados para pensar a receptividade do público dentro da cidade. No dia 30, a UFS realizará o “Fórum Pensar São Cristóvão”, espaço dedicado a uma análise da arte produzida na cidade e no Estado, com o intuito de reunir artistas e a sociedade para uma conversa aberta sobre as produções locais.

 

A parte musical contará com expressões nacionais, a exemplo dos pernambucanos Otto e Nação Zumbi, e o sergipano Mestrinho, além de atrações locais como The Baggios e Joésia Ramos. A programação também contempla outros segmentos artísticos, como cinema, artes plásticas, poesia, literatura, teatro.

 

É importante ressaltar que, além dos nomes apresentados nesta terça-feira, outros artistas sergipanos (da música, cinema, teatro, dança e artes visuais) serão contratados através de edital de credenciamento disponível no site fasc.saocristovao.se.gov.br. No mesmo site estão disponíveis os editais de ocupação pública para quem deseja participar do FASC.

 

O 34º FASC será realizado a partir de emendas federais, oriundas dos deputados federais Fábio Reis e João Daniel, além de apoio de verbas da iniciativa privada e de empresários que entendem a importância do evento.