Cosil é premiada por sua atuação

Compartilhar:
Imprimir Aumentar Texto Diminuir Texto

Publicada em 15/09/2012 às 12:27:00

A Cosil Construções e Incorporações foi escolhida a 'Empresa do Ano na 7ª edição do Prêmio Ademi/SE, o mais importante evento que elege as empresas e profissionais de destaque no ramo imobiliário em Sergipe. A cerimônia de premiação aconteceu no Centro de Convenções durante a abertura do Salão Imobiliário de Sergipe, que prossegue até amanhã. O prêmio foi recebido pela diretora de Incorporações da empresa, Danusa Silva.

A seleção dos ganhadores foi feita por uma comissão de profissionais e especialistas, que avaliou critérios específicos de cada categoria, premiando os empreendimentos e iniciativas de maior destaque. Os critérios para a escolha da vencedora, na categoria grande empresa, foram representatividade no setor, inovação mercadológica e evolução tecnológica. "Ao longo de nossa história fomos agraciados com inúmeros e importantes prêmios o que, certamente, destacam o nosso elevado conceito junto aos clientes, segmentos de mídia e instituições ligadas à construção civil", avalia Danusa Silva.

Detentora de mais de uma dezena de prêmios recebidos por suas ações em praticamente todos os seus processos construtivos, empresarias e de responsabilidade social e ambiental, a Cosil tornou-se ao longo de seus 47 anos uma referência em projetores inovadores e de rápida valorização de mercado. Em 2011, com o lançamento do Neo Jardins, a empresa trouxe para o mercado sergipano o conceito mixed use, com duas torres residenciais e uma comercial, além de unidades duplex e studio, uma grande revolução no mercado imobiliário sergipano.

A inovação deste projeto, aliada às práticas de governança e relacionamento com o cliente, renderam à Cosil o prêmio de 'Empresa do Ano'. A incorporadora tem trabalhado continuadamente no aprimoramento do seu modelo de governança corporativa, procurando atender aos mais avançados requisitos de transparência, prestação de contas, equidade, ética, conformidade, profissionalização da gestão e responsabilidade perante os stakeholders - grupos com os quais a empresa se relaciona.

Outra meta da Cosil tem sido a busca pela satisfação de seus clientes com práticas de relacionamento pautadas na ética, transparência e proximidade. Para estreitar o relacionamento, a empresa criou novas formas de aprimorar os programas destinados a atender e superar as expectativas dos atuais e futuros clientes. A incorporadora contratou uma consultoria especializada no novo consumidor 2.0, que tem ajudado a lidar com esse perfil de cliente, revendo processos e treinando a equipe. Com o novo formato toda a parte de Call Center está reunida em Aracaju e interligada às outras praças.

A sustentabilidade tem sido uma das principais marcas da Cosil. Nos projetos dos empreendimentos estão sendo implantados itens de sustentabilidade nas áreas comuns como sensores de presença, lâmpadas econômicas, coleta seletiva de lixo, bacias de fluxo duplo, torneiras com temporizador, além de aquecimento de água com gás e medição individualizada de água e gás. Uma novidade na área foi a utilização de bandejas de segurança recicladas da Ecotop na construção, que são feitas de materiais 100% reciclados, não agridem o meio-ambiente, e não oferecem riscos à saúde em nenhuma circunstância (pois não possuem amianto).

A elaboração de mais um Relatório de Sustentabilidade, baseado no modelo Global Reporting Initiative, também esteve em evidência. O material foi, no ano de 2010, o primeiro baseado no modelo GRI de todo o estado de Sergipe e também o primeiro de uma construtora do Nordeste brasileiro, e apenas o quarto publicado por uma construtora no país. Outra pratica reconhecida é o oferecimento de plantas criadas com base na acessibilidade.